Busca rápidaX

Em menos de dois dias, seis ataques a bancos são registrados em cidades gaúchas

7 de julho de 2018

Criminosos atiram contra a Guarda Municipal em uma das principais avenidas de Novo Hamburgo, no Vale do Sinos, em plena manhã desta sexta-feira (6). Esse foi o sexto ataque a agências bancárias no Rio Grande do Sul em apenas 30 horas. Em cinco regiões distintas, ladrões armados e com emprego de explosivos invadiram bancos, renderam moradores, entraram em confronto com a polícia e incendiaram veículos.

 

Investigações preliminares dão conta de que os mesmos grupos estiveram envolvidos em ataques anteriores no Estado. Antes do ataque no Vale do Sinos, criminosos explodiram agência do Banrisul em Boa Vista do Incra, no Noroeste. A cidade de 2,5 mil habitantes estava sem PMs no momento.

 

A sequência de ataques segue tendência identificada por levantamento realizado. Em 2018, ocorreram ao menos 87 ataques (como furtos e roubos a bancos e caixas eletrônicos) no Estado. Desses, 53 foram nos primeiros 10 dias, o que corresponde a 60,91% das ocorrências.

 

O que diz a BM
Por meio de nota, o subcomandante-geral da Brigada Militar, coronel Eduardo Biacchi Rodrigues, observou que a corporação “atua diariamente tanto em ações preventivas quanto repressivas” e com “análise minuciosa” dos crimes pelo setor de inteligência da BM. Além disso, a corporação colocou em prática em maio uma operação com patrulhamentos, abordagens e barreiras no interior do estado para coibir os ataques a bancos e outros crimes.

 

— Atua-se com todo o recurso policial disponível para fazer frente ao crime — observou o coronel em nota. Biacchi salientou que a distribuição dos novos policiais militares que ingressaram na BM leva em conta índices de criminalidade e a defasagem de policiais nas cidades.

 

Os ataques
Novo Hamburgo – 9h09min – sexta-feira
Três criminosos armados com pistolas e fuzil invadiram uma agência do Santander, na esquina da Avenida Pedro Adams Filho com a Rua Joaquim Nabuco, no centro da cidade. O grupo rendeu funcionários e clientes que aguardavam atendimento e, em seguida, recolheu o dinheiro dos caixas. Trocaram tiros com guardas municipais. Fugiram em um Cruze, que foi encontrado queimado no centro da cidade.

Boa Vista do Incra – 3h30min – sexta-feira
Quatro homens armados participaram da explosão de uma agência do Banrisul no Noroeste. A cidade com 2,5 mil habitantes estaria sem policiamento no momento do fato. Os ladrões teriam conseguido levar dinheiro de apenas um dos terminais. Os bandidos fugiram por estradas vicinais da região e teriam jogado miguelitos (pregos retorcidos) na BR-158. Um veículo da BM e um caminhão tiveram pneus furados.

Jaquirana – 13h30min – quinta-feira
Assaltantes fizeram um cordão humano com moradores do município da Serra durante o roubo a dois bancos, uma lotérica e um posto de combustíveis. Primeiro, ocorreram os ataques aos Banco do Brasil e Banrisul. Depois, arrombaram os estabelecimentos, que estavam fechados devido aos assaltos. Na fuga, os assaltantes levaram dois reféns, libertados em seguida. Três suspeitos do assalto morreram em confronto com a BM.

Canguçu – 3h15min – quinta-feira
Quatro criminosos explodiram o Banco do Brasil, durante um apagão na energia elétrica. Na ação, assaltaram um caminhão, incendiaram e atravessaram o veículo na BR-392, para evitar chegada de reforço policial. Em Canguçu, no quartel da BM espalharam pregos retorcidos para furar pneus das viaturas. A BM acredita que os bandidos desligaram a energia elétrica. A Polícia Civil suspeita que a interrupção é decorrente das explosões.

Maximiliano de Almeida – 3h15min – quinta-feira
Bandidos atacaram a agência do Banco do Brasil do município, no norte do Estado. Eles espalharam miguelitos no trajeto. Os criminosos atiraram nos vidros da agência, utilizando espingardas calibre 12. Eles invadiram o local, mas não conseguiram roubar o dinheiro dos caixas e do cofre. Segundo a polícia, o bando escapou sem levar nada após o alarme soar.

Compartilhar
  • 23
  •  
  •  
  •  
  •  
    23
    Shares
Fonte: GaúchaZh

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!