Busca rápidaX

3 milhões de pessoas estão desempregadas há mais de dois anos estima IBGE

15 de julho de 2017
De 2015 pra cá, dobrou o número de desempregados há mais de dois anos. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), o grupo soma cerca de 3 milhões de pessoas que não estão trabalhando no momento. A principal culpada nesse fator é o prolongamento da crise econômica. Para esses trabalhadores, a busca pelo emprego virou uma corrida contra o relógio, já que quanto mais tempo fora do mercado, maior a dificuldade para retornar.

De acordo com o economista Fernando de Holanda Barbosa Filho, pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas, a situação é mais complicada entre os profissionais com idade entre 18 e 24 anos e 30 e 39 anos. Só nessas duas faixas, o número de pessoas sem emprego há mais de dois anos soma 1,5 milhão de desempregados. 

Segundo ele, esses profissionais vão começar a sentir ainda mais esse efeito quando a economia voltar a crescer e demandar mão de obra. Além de enfrentar o preconceito das empresas em relação ao tempo sem um emprego fixo, também podem sofrer com as mudanças tecnológicas. Se para os jovens a situação é complicada, entre os mais velhos chega a ser dramática. Embora não represente o maior número de pessoas sem trabalho há mais de dois anos, a faixa etária que teve o maior avanço no índice de desemprego desde 2015 foi a entre 50 e 59 anos. Esse grupo cresceu 140% e passou a somar 248 mil pessoas. 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!