Busca rápidaX

Alimentos e transportes pesam na inflação

23 de outubro de 2018
Vitória (ES) - Supermercados lotados e com filas nos caixas e na entrada funcionam em horário reduzido. (Tânia Rêgo/Agência Brasil)

O IPCA-15 – Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15, que mede a prévia da inflação oficial, registrou alta de preços de 0,58% em outubro.

A taxa é superior ao 0,09% de setembro e ao 0,34% de outubro de 2017. Os dados foram divulgados hoje pelo IBGE- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Com o resultado da prévia, o IPCA anota taxas de 3,83% no ano e de 4,53% em 12 meses, acima dos 4,28% acumulados em 12 meses até setembro.

Os grupos que mais contribuíram para o aumento do IPCA-15 de setembro para outubro foram alimentação e transportes.

Os alimentos que tinham registrado deflação (queda de preços) de 0,41% na prévia de setembro, passaram a ter uma inflação de 0,44% na prévia de outubro.
O resultado foi influenciado pela alta nos preços de alimentos como tomate (16,76%), frutas (1,90%) e carnes (0,98%).
Já a inflação dos transportes subiu de 0,21% na prévia de setembro para 1,65% na prévia de outubro, por causa principalmente da gasolina, que teve o maior impacto individual do IPCA-15 com um aumento de preços de 4,57%.

Compartilhar
  • 8
  •  
  •  
  •  
  •  
    8
    Shares
Fonte: http://agenciabrasil.ebc.com.br

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Peugeot Champs Elysées
Estude Medicina na Argentina

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!