Busca rápidaX

Anvisa recebe pedido de autorização para uso emergencial de vacina do laboratório chinês CanSino

19 de maio de 2021

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, na noite de terça-feira (18), um pedido de autorização temporária para uso emergencial, em caráter experimental, da vacina Convidecia. O imunizante contra a covid-19 é produzido pelo laboratório chinês CanSino Biologics no Brasil, e o pedido junto à agência reguladora foi feito pela empresa Belcher Farmacêutica, que representa o laboratório. 

A vacina Convidecia é de dose única e foi desenvolvida em parceria com a Academia de Ciências Médicas Militares da China. O imunizante é produzido a partir de um adenovírus humano não replicante, e os ensaios clínicos do produto foram realizados no Paquistão, na Rússia, no Chile, na Argentina e no México. Dados desses estudos serão analisados pela Anvisa.

No momento a Anvisa analisa a documentação apresentada, verificando se constam todas as informações solicitadas pelo órgão. A agência deve se manifestar em até sete dias úteis, caso todas os requisitos legais tenham sido cumpridos pela empresa solicitante.

Em março, antes do pedido formal de autorização, já haviam ocorrido duas reuniões entre representantes do laboratório CanSino e a Anvisa, nas quais foram apresentados os procedimentos necessários e as informações que a empresa deveria fornecer para que solicitação pudesse ser analisada.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e GZH
error: Conteúdo protegido!