Busca rápidaX

MANCHETES

Após demora na liberação de corpo, vítima de acidente de trabalho é velada em Ijuí

8 de dezembro de 2021

A demora na liberação do corpo de um jovem que morreu em acidente de trabalho revoltou familiares e amigos da vítima. As informações repassadas por representantes do bairro Boa Vista, onde o jovem morava, é de que o médico legista que atua no Posto Médico-Legal de Ijuí está em férias e que a necropsia precisou ser feita em Cruz Alta.

O corpo chegou em Ijuí cerca de 20 horas após a morte. O velório acontece na capela mortuária do bairro Boa Vista e os atos de sepultamento ocorreu nesta quinta-feira, às 9h.

O acidente de trabalho ocorreu a tarde de terça-feira em uma empresa de mármores e granitos localizada na Rua João Wincroski, no bairro Sol Nascente. A vítima foi identificada como João Gabriel Rodrigues Domingues, de 20 anos, a qual trabalhava no local e foi atingida por uma placa de mármore.

RESPOSTA DO IGP

“A equipe de perícia criminal do Posto de Criminalística de Santo Ângelo foi acionada para atender ocorrência de acidente de trabalho na tarde desta 3ª feira, 16 horas. A remoção do corpo somente pode ser feita após a finalização do trabalho da criminalística, o que aconteceu por volta das 18h30. A documentação da Polícia Civil com os trâmites para liberação do cadáver ficou pronta por volta das 21 horas. É de praxe que as necropsias somente sejam feitas no período diurno, o que foi realizado no Posto Médico-Legal de Cruz Alta na manhã desta 4ª feira (8). Os Postos Médico-Legais de Ijuí e Cruz Alta atuam em regime de escala, que é comunicada no início de cada mês para as autoridades da região. O traslado do corpo, que leva cerca de 40 minutos, é feito por meio de convênio com o Sindicato dos Estabelecimentos Funerários do Estado e não tem custos para a família.”

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso
error: Conteúdo protegido!