Busca rápidaX

Aprosoja acredita que safra 2019/2020 fechará com média abaixo de 30 sacas por hectare

5 de abril de 2020

Para o presidente da Aprosoja – Associação dos Produtores de Soja do Rio Grande do Sul – Décio Teixeira, a quebra da atual safra de soja é uma das maiores dos últimos 50 anos no Estado. Segundo ele, a média de produtividade está abaixo de 30 sacas por hectare e o território gaúcho vai colher entre 10,7 milhões e 11 milhões de toneladas de soja. 

Décio Teixeira destacou, durante entrevista na Rádio Progresso de Ijuí (RPI), que a única região com melhor rendimento fica entre Palmeira das Missões e Passo Fundo. Porém, existe muito prejuízo, por exemplo, na região de Soledade e Fortaleza dos Valos. Aliás, em Fortaleza dos Valos há agricultores que colhem cerca de 12 sacas por hectare. Até árvores morreram no município pela falta de chuva.

O presidente da Aprosoja frisou que em conjunto com outras entidades agrícolas, foram encaminhados alguns pedidos ao governo federal, a fim de socorrer os produtores rurais. Décio Teixeira acredita que haverá prorrogação das prestações de financiamentos desse ano para o final do contrato.

As entidades ainda pedem que o BNDES disponibilize dinheiro para que os agricultores paguem débitos contraídos em empresas, referente a casos fora de financiamentos. O lado positivo é o alto preço pago pela saca de soja ao produtor, em cerca de R$ 90. Décio Teixeira observa que a alta cotação da oleaginosa está diretamente ligada ao aumento do dólar.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!