Busca rápidaX

Baixa procura por vacinas do SUS preocupa Ministério da Saúde. Em Ijuí a situação é a mesma

12 de junho de 2020
Primeiro dia da campanha estadual do Dia D de Vacinação Contra o Sarampo no Rio de Janeiro, caminhão itinerante da Secretaria Estadual de Saúde

A redução na procura pelas vacinas disponíveis no Sistema Único de Saúde (SUS), neste período de pandemia do novo coronavírus, já é percebida pelo Ministério da Saúde e começa a preocupar a pasta, segundo Ana Goretti, coordenadora do Programa Nacional de Imunizações (PNI) do ministério.

Ela lembrou que o Brasil possui hoje o maior programa público de imunização do mundo, que distribui mais de 300 milhões de doses de imunobiológicos anualmente.

Em Ijuí, essa queda na procura pelas vacinas de rotina também já é percebida há alguns meses, principalmente após o início da pandemia. Segundo a coordenadora do Setor de Imunizações do município, enfermeira Salester Ruver, em meses anteriores a média de vacinas contabilizava cerca de 5456 doses mensais, e há dois meses a Secretaria Municipal de Saúde não consegue atingir nem 4 mil doses.

A principal justificativa, segundo a coordenadora ijuiense, é o distanciamento social em função da pandemia, que agora chega com ainda mais força em Ijuí. As famílias ficam com receio de ir até os postos de saúde. Porém, a Secretaria de Saúde alerta que todos os profissionais estão orientados sobre as medidas de segurança para evitar infecções.

No que diz respeito especificamente a vacinação contra a gripe H1N1, Salester disse que os índices são ainda menores, principalmente nas crianças de seis meses a menores de seis anos. Nesse caso, o alerta é aos pais ou responsáveis, para que não deixem de garantir a imunização, ainda mais importante neste período de pandemia.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí/ Agência Brasil
error: Conteúdo protegido!