Busca rápidaX

MANCHETES

Bandeirantes do Verde e Executivo de Ijuí propõem ampliação do projeto Meliponário nas Escolas

17 de novembro de 2016
O prefeito de Ijuí, Fioravante Ballin, se reuniu, na manhã desta quinta-feira, 17, com representantes da Associação Ecológica Bandeirantes do Verde e diretoria do bairro Modelo, para falar sobre o projeto Meliponário nas Escolas, desenvolvido pela entidade há cerca de um ano junto ao Colégio Estadual Modelo.Conforme Delmar Amorim, presidente da Associação, o projeto surgiu de uma conversa informal entre os membros que, após contato com a antiga diretora do educandário, Jussara de Oliveira, instalaram uma espécie de Cidade das Abelhas nas dependências da Escola, visando a pesquisa científica e também o estudo por pate dos alunos da instituição.

Atualmente, o Meliponário conta com 24 espécies de abelhas nativas de todo o Brasil, as quais vêm sendo importadas pela própria Bandeirantes do Verde desde a serra riograndense até o Estado da Bahia. De acordo com a atual direção do Colégio Estadual Modelo, trata-se do primeiro Meliponário desenvolvido em âmbito escolar no Estado e, por isso, foi escolhido para ser apresentado em Porto Alegre ainda esta semana, com a expectativa de que seja ampliado aos demais municípios. No espaço do educandário, são desenvolvidas práticas pedagógicas aliadas à preservação do meio ambiente e biologia, contando com doze professores atuando no momento, número que também deve ser reforçado para os próximos anos. 

No entanto, para além da expectativa a nível estadual, o prefeito Fioravante Ballin aproveitou o momento para manifestar a vontade do Executivo de ampliar este projeto às demais escolas da rede municipal de ensino. Na ocasião, foi sugerida a instalação de mais um Meliponário junto à Instituição Municipal de Ensino Assis Brasil (Imeab), cuja direção também marcou presença durante o encontro e se colocou à disposição para um contato posterior com a entidade.

 

 

O presidente da Bandeirantes do Verde, Delmar Amorim, também utilizou o momento para comentar que, no último sábado, 12, a Associação esteve em Santa Cruz do Sul para buscar 17 novos enxames de abelhas. Contudo, afirma precisar do auxílio do Executivo para a manutenção destas espécies durante o inverno, período no qual as abelhas precisam ter suas colmeias aquecidas. Para isto, a Associação já conta com três aquecedores cedidos pela Universidade de Santa Cruz do Sul. O Poder Público, através do Departamento Municipal de Energia (Demei), também deve auxiliar na construção de um projeto que possibilite o aquecimento destas abelhas por meio de energia solar, trabalho que ficará sob responsabilidade do engenheiro Sandro Bock.

 

Para além destes dois assuntos, o encontro também teve como pauta a apresentação do anteprojeto de Lei Lixo Zero, que acontece há mais de um ano na comunidade do bairro Modelo. Segundo Amorim, todos os fins de semana é feita a coleta de resíduos pela própria Associação, que encaminha cada material ao seu destino adequado. Também foi apresentado durante a reunião, a cargo do bandeirante Obirajá Gehm, o projeto Árvore: Conhecer para preservar, que consiste na identificação das árvores do município. Ambas as propostas devem ser avaliadas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), representada na reunião pela secretária adjunta Andressa Gressler. 

O projeto do Meliponário é uma iniciativa da Associação Ecológica Bandeirantes do Verde com o apoio do Sindicato Rural Patronal, União das Etnias de Ijuí (Ueti), Jornal da Manhã de Ijuí, Lions Club, Imasa, Mecautor e Associação Comercial e Industrial de Ijuí (ACI). Também participaram da reunião o coordenador da Vigilância Ambiental de Ijuí, Rinaldo Pezetta e o representante da diretoria do bairro Modelo, Tadeu dos Santos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!