Busca rápidaX

Barcelona encaminha renovação do contrato de Lionel Messi

19 de julho de 2021
Dmitry Tomashek/Unsplash.

Futuro do jogador argentino segue indefinido, mas chances de permanência no clube catalão é grande, segundo imprensa espanhola

A novela que envolve o futuro de Lionel Messi está perto de chegar ao fim. Desde o dia 30 de junho, o atleta está sem clube, já que seu contrato com o Barcelona chegou ao fim. O jogador negocia um novo vínculo, mas o desfecho positivo ainda não foi completamente sacramentado, para o desespero dos apostadores que estão em sites como www.apostasesportivas24.net de olho nas estatísticas do argentino.

Messi viveu as últimas semanas totalmente focado na Copa América. Após quase trinta anos, a Argentina voltou a conquistar uma competição com sua seleção principal masculina. De quebra, viu Messi enfim erguer uma taça com a albiceleste e cessar as críticas que pesavam sobre ele no que diz respeito ao seu desempenho quando veste as cores de seu país.

Por isso, as conversas sobre seu futuro ficaram a cargo de seu pai, Jorge Messi, e dos seus advogados, que estavam dialogando com o Barcelona para saber o que iria acontecer. Em paralelo, especulações sobre propostas de Manchester City e Paris Saint Germain também apareceram em jornais europeus, como AS, Marca e L’Equipe. Mas, ao que parece, o futuro de Messi será mesmo na Catalunha.

O jornal Marca noticiou que Messi acertou um contrato de cinco anos com o Barcelona, com uma redução salarial importante para as finanças do clube. O vínculo ainda não foi assinado, mas tudo indica que isso deve acontecer nas próximas semanas, assim que o argentino encerrar o período de férias que está passando com a família após o fim da última temporada.

Messi está no Barcelona há 16 anos. Ele nunca defendeu outro clube em sua carreira e sempre deixou claro o seu amor pela instituição. Até  por isso aceitou uma redução de 50% em seus vencimentos. Segundo o Marca, a cláusula de rescisão do contrato será de 350 milhões de euros. O Barça vive uma crise financeira complicada, com uma dívida que ultrapassa a casa do 1 bilhão de euros, cerca de R$ 6 bilhões.

Joan Laporta, atual presidente do clube, foi transparente com Messi desde o início, Explicou ao atleta que para seguir atuando no Camp Nou, precisaria rever os vencimentos do argentino, que hoje estão entre os maiores do mundo, ao lado de jogadores como Cristiano Ronaldo e Neymar. Messi aceitou ceder, mas ainda espera uma negociação que envolva a divisão dos encargos tributários, algo que sempre o incomodou.

Algo que também foi importante é a duração do contrato. Messi está com 34 anos, mas se vê atuando em alto nível até os 40 anos. O Barcelona não se opõe ao projeto, porque sabe que o argentino, quando está focado, é certamente um jogador com chances de desequilibrar. Além disso, consegue atrair jogadores renomados, como foi o caso do atacante Sergio Aguero, que deixou o Manchester City para assinar com o Barça.

Desde o fim da temporada 2019/2020, as negociações envolvendo Messi estão repletas de especulações e notícias desencontradas. O argentino deixou claro que queria sair do clube após a eliminação do Barça por 8 a 2 para o Bayern de Munique na Liga dos Campeões.

Messi foi impedido por uma cláusula contratual e foi duramente criticado pelo ex-presidente do Barça, Josep Maria Bartolomeu. O camisa 10, em resposta, também fez críticas ao dirigente, que deixou o comando do clube no ano passado.

Quem comanda o clube neste momento é Joan Laporta, amigo pessoal de Messi e que o ajudou quando ele começou a despontar na equipe profissional. Esse relacionamento foi determinante para que Messi aceitasse conversar com o Barça e admitir a possibilidade de permanecer na Catalunha.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!