Busca rápidaX

MANCHETES

Em entrevista à RPI, Dep. Federal Bibo Nunes: “Será uma honra ser expulso do PSL”

2 de novembro de 2019

A crise interna no Partido Social Liberal (PSL), sigla que elegeu o Presidente da República Jair Bolsonaro criou um movimento, no mínimo curioso, na Câmara dos Deputados. 29 Deputados, apoiadores fervorosos do presidente, buscam a saída da sigla alegando ao Tribunal Superior Eleitoral, justa causa.

O Deputado Federal pelo PSL gaúcho Bibo Nunes disse, em entrevista à Rádio Progresso, que a atual direção nacional do partido se rendeu as velhas práticas e utiliza a sigla para promoção de atos ilícitos.  Bibo Nunes explicou que este movimento de saída por justa causa da o direito, e a garantia, da manutenção do fundo partidário que seria proporcionalmente dividido em outra sigla que os parlamentares ocupassem.

Hoje o PSL é o partido mais rico do Brasil, segundo o deputado. Questionado se o Presidente da República apoiava este movimento, Bibo Nunes garantiu que sim, e isso diminuiria, na visão dele, a quase nada a representação da sigla na política nacional.

Antes da eleição de Jair Bolsonaro, o PSL tinha apenas um Deputado Federal eleito, hoje são 53, e mais da metade deseja deixar o Partido. Não está descartado, conforme Bibo Nunes, a criação de uma nova sigla partidária que tenha como nome maior o próprio presidente da república. Sobre um possível processo de expulsão do PSL, Bibo Nunes disse que seria uma honra pra ele ser excluído da sigla e espera que até fevereiro a retirada dos parlamentares seja concluída.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!