Busca rápidaX

MANCHETES

Bisavó de 86 anos termina 2ª faculdade e começa pós

22 de fevereiro de 2018

Uma bisavó de 86 anos terminou a segunda faculdade e agora começa a fazer pós-graduação. Amélia Diniz, que é graduada em filosofia, se formou esta semana no curso superior de teologia após um intervalo de 60 anos sem estudar.

Antes de pegar o diploma, a idosa do Distrito Federal já se matriculou em uma pós-graduação noturna e agora pretende voltar às salas de aula pelo menos duas vezes na semana. Mãe, avó e bisavó, Amélia dá um exemplo de garra, determinação e otimismo: “Quero aproveitar a vida da melhor maneira que eu puder”, disse ao G1.

Escrevia à mão
Ela contou que foi aprovada com a nota 9,5 no Trabalho de Conclusão do Curso, o “temido TCC”. O tema escolhido para o artigo foi a relação entre o Papa Francisco e a Igreja Católica. Amélia conta ainda que no início do TCC escreveu grande parte do texto à mão, em folhas de papel.

“Comecei escrevendo tudo à mão, mas errava muito e rasgava a folha. No computador, tinha a vantagem de ir escrevendo e consertando, mas sou péssima em digitação”, conta.

História

A decisão de prestar vestibular, depois de 64 anos sem estudar, veio após a morte do marido. Amélia já era formada em filosofia, curso que fez no Rio de Janeiro em 1950.

A inscrição no vestibular – há quatro anos – foi feita sem o conhecimento de nenhum dos sete filhos. “Só contei para minha irmã.” “Quando meus filhos chegavam para me visitar, eu jogava os livros embaixo da mesa”, lembra.

Amélia diz que estudou “o suficiente” para conquistar a aprovação. “Tinha medo de não ser aprovada, mas no dia do vestibular, minhas filhas chegaram em casa e tive que pedir que me levassem para fazer a prova”, conta.

Promessa
Amélia também contou com uma forcinha dos céus. A aposentada confessa que ao saber da aprovação, fez uma novena à Nossa Senhora e, na promessa, pediu saúde e disposição para concluir os quatro anos de estudo.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!