Busca rápidaX

BM participa de operação após rumores sobre fuga de criminosos do RJ para o Sul do país

2 de março de 2018

O Rio Grande do Sul e os demais estados da Região Sul do país realizaram uma operação integrada na quinta-feira (1º) após setores de inteligência das polícias militares detectarem rumores de que criminosos do Rio de Janeiro poderiam vir para a região por conta da intervenção federal no estado fluminense.

"Nos próximos meses vão acontecer mais operações como esta. E o objetivo principal é mandar um recado para os criminosos do Rio de Janeiro, caso eles queiram migrar de lá para o Sul", afirmou afirmou o comandante-geral da Brigada Militar, Andreis Silvio Dal'Lago.

A operação Ferrolho teve a participação de cerca de 1,2 mil agentes. Foram apreendidas drogas, cargas com cigarros e veículos roubados. Foram montadas barreiras em diferentes pontos, na divisa entre os três estados, e também na fronteira com países vizinhos.

No Rio Grande do Sul foram realizadas ações em 17 diferentes pontos do estado, e também na fronteira com a Argentina e Uruguai. Em Santa Catarina foram apreendidas drogas em um ônibus que saiu do Rio de Janeiro, com destino a Florianópolis.

"A nossa preocupação são sim, nesse momento, os delitos interestaduais. Quadrilhas de roubo a banco, furto a caixas eletrônicos, que atuam nos três estados, e são quadrilhas semelhantes", afirmou o comandante-geral da Brigada Militar.

Cinco mil maços de cigarros e um carro clonado foram apreendidos na divisa entre Santa Catarina e o Rio Grande do Sul. Os suspeitos, no entanto, fugiram em direção a um matagal.

O secretário de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, Cezar Schirmer, afirmou que estão preparados para trabalhar de forma integrada. "Fechar a fronteira e enfrentar o crime. Seja o crime interno, ou seja aquele que vem de outros estados. O crime não respeita nem divisas estaduais, muito menos fronteiras nacionais", afirmou.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!