Busca rápidaX

Campanha de vacinação contra a febre aftosa no próximo mês poderá ser a última no RS

23 de abril de 2019

Se o Ministério da Agricultura aceitar o pedido do Rio Grande do Sul de tornar o território gaúcho livre de febre aftosa, sem vacinação, a imunização de bovinos e bubalinos contra a doença, que vai acontecer no próximo mês, deverá ser a última campanha de aplicação do medicamento.

A informação foi repassada hoje, 23, para a RPI pelo diretor do Departamento de Defesa Agropecuária da secretaria de Agricultura do Rio Grande do Sul, Antônio Carlos de Quadros Ferreira Neto. Ele salienta que o Paraná já conseguiu o status de livre de aftosa sem vacinação e o Estado de Santa Catarina também não realiza mais a imunização.

Com isso, na região sul apenas o Rio Grande do Sul ainda mantém a obrigatoriedade da vacina, o que prejudica até mesmo a venda da carne gaúcha. Antônio Carlos de Quadros Ferreira Neto comenta que o governo gaúcho já fez as correções apontadas pelo Ministério da Agricultura em 2017, por isso entende que o Rio Grande do Sul está pronto para nova auditoria.

Ontem, a Estado formalizou o pedido de auditoria do Ministério da Agricultura no sistema de defesa sanitária animal com o objetivo de avaliar, na segunda quinzena de julho deste ano, a situação em relação à febre aftosa para livre de vacinação.

O secretário, Covatti Filho, entregou o documento durante o ato de lançamento da Frente Parlamentar em Apoio à Evolução do Status Sanitário Animal do Rio Grande do Sul, realizado na Assembleia Legislativa.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!