Busca rápidaX

Carne de animais silvestres, armadilhas, espingardas e munições são apreendidos em Catuípe

10 de setembro de 2021

Uma operação foi montada em Catuípe após denúncias serem remetidas ao Ministério Público. Atuaram de forma conjunta a Brigada Militar e o Departamento de Defesa Agropecuária Estadual para o combate aos crimes de abigeato, caça ilegal, posse e porte ilegal de armas de fogo na localidade de Lagoa dos Patos, interior de Catuípe.

Os policiais e agentes foram até o local informado, sendo que na referida residência se encontrava apenas a esposa do suspeito. Durante as diligências foi localizado o seguinte material: uma espingarda calibre 32; uma espingarda calibre .16 sem identificação aparente; uma sacola com diversas buchas para recarga de cartucho; quatro facas com bainha de couro; um pote com pólvora; uma sacola com estojos deflagrados calibre 12 e 32; 75 cartuchos intactos intactos cal. .12; 32 cartuchos cal. .32; um cartucho intacto calibre .16; três cintas cartucheiras em couro; uma gaiola de ferro para caçar tatú; uma maleta para pistola Taurus;  uma maleta porta cartuchos; dois carregadores de pistola; quatro jalecos camuflados do Exército; e dois bonés camuflados. Foram apreendidos também cerca de 15 quilos de carne de caça que estava congelada.

O suspeito não se encontrava na residência no momento da apreensão, sendo que o material foi recolhido e apresentado na Delegacia de Polícia de Catuípe onde foi feito o registro do fato. Posteriormente, o homem compareceu na Delegacia sendo identificado como um homem de 44 anos, natural de Catuípe, sem antecedentes criminais, o qual foi ouvido e liberado para fins de responder Inquérito Policial por Posse irregular de arma de fogo permitido. A esposa do acusado foi qualificada como testemunha.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso
error: Conteúdo protegido!