Busca rápidaX

MANCHETES

Casos de ferrugem asiática aumentam em soja na região e Emater alerta sobre tratamento

10 de janeiro de 2018

A atualização dos casos de ferrugem asiática em lavouras de soja, nesta safra, no Rio Grande do Sul, indica aumento de ocorrências. Segundo o Consórcio Antiferrugem, Cruz Alta tem dois focos, Ijuí, Roque Gonzales, Bossoroca, Tuparendi, Santo Augusto, Lagoa Vermelha, Sananduva, Júlio de Castilhos e Victor Graeff, todos com uma ocorrência em cada município.

Além disso, existem muitos casos de ferrugem asiática em lavouras de soja nas regiões Oeste dos Estados de Santa Catarina e Paraná. Como forma de antecipação, para evitar a instalação da ferrugem asiática, agricultores fazem aplicações preventivas de produtos. No caso de Ijuí, segundo a Emater, a primeira aplicação está praticamente concluída, mas ainda há outras fases.

Os produtos existentes no mercado são praticamente os meses nos últimos anos. No entanto, os produtores precisam monitorar as lavouras a fim de verificar a eficácia do tratamento. Existem situações de tratamentos contra a ferrugem asiática que podem perder parte do efeito, porém, muito mais pelo manejo inadequado.

 
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!