Busca rápidaX

MANCHETES

Coleta seletiva solidária beneficia famílias de Cruz Alta

1 de junho de 2019
O projeto será ampliado para 44 bairros no mês de junho | Foto: Mari Wayhs / Divulgação / CP

Um projeto social desenvolvido pela Universidade de Cruz Alta (Unicruz) e prefeitura, beneficia mais de 100 famílias de catadores e recicladores da região. A Coleta Seletiva Solidária promove a mobilização da população para que separem materiais como garrafas pet, latas de alumínio, jornais e caixas de leite, por exemplo, para que uma equipe do projeto faça o recolhimento nos domicílios.

A ação teve início há quatro anos e ocorria em dois bairros. Em 2017, passou para oito e, a partir de junho, a população de 44 bairros da cidade poderá participar da ação social. Três catadores contratados pelo projeto realizam uma rota com um caminhão, para fazer o recolhimento. A ampliação resultará em acréscimo de equipe com mais um coletor, um motoristas e três condutores de triciclos para executar a coleta.

Coordenador do meio ambiente de Cruz Alta, Diones da Silveira revela que com a ampliação dos bairros participantes, a expectativa é que a coleta salte de 10 mil quilos para 30 mil quilos por mês. “É uma grande ação de economia solidária, que une a necessidade dos catadores com a experiência e participação da população”, destaca. Os coletores fazem a busca na rota e depois dividem o material recolhido entre as quatro associações da cidade. Um cronograma informa a população sobre as datas en que o grupo passará em cada bairro.

No próximo dia 5 de junho, durante o Encontro Regional de Catadores em Cruz Alta, na sede campestre do Sindicato dos Municipários, ocorrerá o lançamento da nova etapa do projeto. A Coleta Seletiva Solidária é uma ação do Profissão Catador I, que criou as associações de catadores e recicladores nos bairros Funcionários, Acelino Flores, Jardim Primavera II e Planalto. O projeto ocorre ainda nas cidades de Ibirubá, Salto do Jacuí, Tupanciretã e Júlio de Castilhos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!