Busca rápidaX

Com aumento de 117% nos óbitos por Covid, região de Ijuí deverá ficar em bandeira vermelha

27 de novembro de 2020

Pela primeira vez, desde o início do sistema de distanciamento controlado do governo gaúcho, sobre Covid-19, todas as regiões do Estado estão pré indicadas para bandeira vermelha, de alto risco para a doença. A classificação prévia para a próxima semana saiu no final da tarde de hoje. Até às 6 horas de domingo, regiões e municípios podem interpor recurso para tentar bandeira mais branda, especialmente a laranja.

No final da tarde de segunda-feira haverá divulgação das bandeiras definitivas para a próxima rodada, a partir de terça-feira que vem. Segundo o governo estadual, o Rio Grande do Sul passa pelo momento mais crítico da pandemia, com o número de pacientes internados em leitos clínicos e em UTIs que atinge o pico da série histórica.

A região de Ijuí vai para a quarta semana na bandeira vermelha. Dos quatro indicadores regionais, a região de Ijuí alcançou classificação de risco máximo, ou seja, bandeira preta, em relação ao número de hospitalizações por Covid para cada 100 mil habitantes e da projeção de óbitos.

Com o registro de 13 mortes nos últimos sete dias, houve crescimento de 117% em relação aos registrados na semana anterior. Somente em Ijuí, nesta semana, cinco pessoas morreram devido ao coronavírus. No tocante às novas hospitalizações em proporção à população a região de Ijuí obteve a terceira taxa mais elevada entre todas regiões Covid. 

O secretário de Governo de Ijuí, Telmo Alves, disse que hoje a prefeitura vai avaliar se protocola recurso. A Associação dos Municípios do Planalto Médio também analisa a situação, mas o presidente da entidade e prefeito de Pejuçara, Eduardo Buzzatti, acredita que seja muito difícil reverter a bandeira para laranja, visto os altos números da Covid na região.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!