Busca rápidaX

Com receio de atentado, polícia monta escolta de sobrevivente de homicídio

17 de janeiro de 2022

A Polícia Civil, através do Setor de Investigações da Delegacia de Polícia de Santo Ângelo, fez a escolta de Luis Carlos Albuquerque do Hospital de Caridade de Santo Ângelo até a delegacia, onde prestou depoimento.

Diante da preocupação e do grande receio por parte dos funcionários do hospital, quanto a um possível atentado contra este paciente, assim que a Polícia Civil foi informada da alta hospitalar, foi organizada uma estratégia para a sua saída do local, visando a sua segurança, dos funcionários do hospital e dos demais pacientes.

Finalizada sua inquirição, foi escoltado da delegacia até um local seguro, onde familiares o aguardavam.
Lembrando que Luis Carlos Albuquerque foi atingido por disparos de arma de fogo no dia 12 de janeiro ocasião em que estava acompanhado de Geneci Wegner Boneto, a qual também restou ferida e acabou falecendo no mesmo hospital.
Toda a atividade transcorreu sem problemas, e os trabalhos investigativos seguem visando a identificação dos autores dos disparos.

error: Conteúdo protegido!