Busca rápidaX

CORSAN apresenta planta digital das redes de água e esgoto de Santo Ângelo

10 de outubro de 2019
Foto: Fernando Gomes

Em reunião realizada no início da tarde de quarta-feira, 09, na sede da Unidade da CORSAN de Santo Ângelo, o diretor de Inovação, Relacionamento e Sustentabilidade da companhia, Jean Carlo Bordin, apresentou ao prefeito Jacques Barbosa e ao secretário do Meio Ambiente, Francisco da Silva Medeiros, os dados do georreferenciamento das redes de abastecimento de água e de esgotamento sanitário da cidade, e o Geoportal CORSAN, que disponibiliza painéis e mapas interativos.
Bordin explicou que o georreferenciamento é uma ferramenta de gestão, representando um investimento de cerca de R$ 350 mil da companhia, atendendo ao pleito da gestão municipal e dos próprios servidores da estatal, para facilitar os projetos elaborados pelo município e dar celeridade aos serviços prestados. “Estamos investindo em inovação tecnológica para
continuar oferecendo mais eficiência e eficácia no atendimento ao usuário e poder para intervenções na pavimentação com mais precisão”, afirmou o diretor. Segundo Bordin, a ferramenta trará inúmeros benefícios para o município, usuários e
colaboradores da companhia, dotada de controle para mitigar as intervenções nas vias da cidade, oferecendo informações em tempo real sobre serviços com mais celeridade e dinamismo.
Entre outras vantagens, o cadastro técnico digital das redes vai reduzir as interrupções no abastecimento, garantir mais celeridade no restabelecimento do abastecimento de água, maior controle de peãs, menos intervenções na pavimentação das vias e redução das horas trabalhadas e de gastos com material. Conforme números apresentados pelo diretor ao Governo Municipal, como resultado do georreferenciamento, a área urbana de Santo Ângelo tem cem quilômetros quadrados, com
286,2 quilômetros de rede de abastecimento de água e 58,6 quilômetros de rede de esgotamento doméstico. Bordin afirmou também que Santo Ângelo é um dos primeiros municípios gaúchos a ter acesso ao arquivo digital com as plantas das redes e que a meta da CORSAN é até 2022 ter 82% dos municípios cobertos pela companhia georreferenciados.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Assessoria de imprensa da prefeitura de Santo Ângelo

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!