Busca rápidaX

MANCHETES

Champs Elysees

Cotrijal completa 59 anos nesta quarta-feira, 14

14 de setembro de 2016
A Cotrijal Cooperativa Agropecuária e Industrial completa 59 anos nesta quarta-feira, 14. Fundada em 14 de setembro de 1957, a Cotrijal iniciou atividades em Não-Me-Toque, onde ainda hoje é a sede, e expandiu atividades aos poucos, conforme demanda dos produtores da região e viabilidade financeira da cooperativa. Do final da década de 1960 até 1976, mais quatro unidades foram inauguradas. Entre 1980 e 1990, outras três. Na década de 1990, um grande ciclo de expansão iniciou, abrangendo toda a região de Carazinho. Nos anos 2000, mais oito unidades foram instaladas. E entre 2014 e 2015, outras quatro na região de Esmeralda.

 

Em 2016, a cooperativa expandiu mais ainda sua área de atuação, com a aquisição de 14 unidades de recebimento e armazenagem de grãos da BSBIOS, na região Norte do Rio Grande do Sul. Com isso, agora são 32 municípios com 56 unidades instaladas. Através delas, e com a ajuda dos 1519 colaboradores, a cooperativa atende 5.921 associados e suas famílias, levando informações, tecnologias e serviços que possam melhorar o resultado das propriedades, garantir segurança, renda e qualidade de vida.

 

A atividade grãos (soja, milho, trigo, cevada e canola) é o foco principal, mas a cooperativa atua também nas áreas de produção leiteira, fábrica de rações, beneficiamento de sementes, lojas e supermercados. São 17 lojas, 8 supermercados e 1 atacado. A assistência técnica, tanto na parte agronômica quanto na veterinária, é um dos diferenciais, resultando em ganhos para o produtor. Os resultados dos produtores da Cotrijal vão muito além das médias nacionais e estaduais. Na soja, por exemplo, na última safra, mesmo com as dificuldades em relação ao clima, a média de produtividade na área de ação da cooperativa ficou em 65,7 sacas/hectare, quando a brasileira não chegou a 50 sacas/hectare.

 

EXPODIRETO COTRIJAL – Uma das mais importantes iniciativas da cooperativa foi a criação, em 2000, da Expodireto Cotrijal, feira que em 17 edições tem o reconhecimento internacional como uma das mais organizadas e que reúne tecnologias, produtos e serviços de ponta para todos os tamanhos de propriedades e vários segmentos da agropecuária.

 

Em 2016, a feira, realizada de 7 a 11 de março, atraiu 210.800 visitantes e os 554 expositores, instalados nos 84 hectares do Parque da Expodireto, fecharam R$ 1,581 bilhão em negócios.

 

História construída por muitas mãos

 

Para o presidente da Cotrijal, Nei César Mânica, o momento é de alegria. Ao assumir as 14 unidades adquiridas recentemente da BSBIOS, a cooperativa se consolida como uma das maiores do ramo agropecuário do estado. “Mas esse investimento só foi possível porque até aqui sempre se buscou, em primeiro lugar, a solidez da cooperativa e porque temos a confiança do nosso associado”, destaca.

 

Nei César Mânica ressalta também que todo o trabalho da cooperativa está focado em gerar valor ao cooperado de forma inovadora, segura e sustentável. “Todo resultado e reconhecimento que temos é fruto do trabalho conjunto e, como diz o slogan comemorativo a este 59º aniversário, cooperar é o que nos faz crescer juntos”, afirma.
O vice-presidente, Enio Schroeder, lembra que a história da Cotrijal foi construída por muitas mãos. E tudo começou pela coragem de 11 agricultores, que em 1957 assumiram o desafio de dar início à cooperativa. “O crescimento alcançado nesses 59 anos exigiu dedicação e amor à causa cooperativista. Centenas de produtores, colaboradores, conselheiros e líderes, ao longo desses anos, trabalharam, com união e comprometimento, para que a cooperativa hoje fosse reconhecida até mundialmente e se tornasse orgulho para todos nós. Toda a família Cotrijal está de parabéns!”

 

A Cotrijal hoje

Sede administrativa: Não-Me-Toque
Área de atuação – 32 municípios do Norte do Rio Grande do Sul: Não-Me-Toque, Colorado, Victor Graeff, Lagoa dos Três Cantos, Tio Hugo, Carazinho, Santo Antônio do Planalto, Coqueiros do Sul, Almirante Tamandaré do Sul, Saldanha Marinho, Nicolau Vergueiro, Ernestina, Passo Fundo, Mato Castelhano, Coxilha, Esmeralda, Pinhal da Serra, Estação, Sertão, Erechim, Charrua, Vila Lângaro, Água Santa, Tapejara, Sananduva, Ibiaçá, Caseiros, Santa Cecília do Sul, Ciríaco, Lagoa Vermelha, Capão Bonito do Sul e Muitos Capões
Unidades de recebimento de grãos: 56
Associados: 5.921
Colaboradores: 1.519
Capacidade de armazenagem: 891 mil toneladas
Faturamento em 2015: R$ 1.351.579.662,00

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os comentários estão desativados.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!