Busca rápidaX

MANCHETES

Crise financeira no hospital do município leva prefeitura de Júlio de Castilhos decretar emergência na área da saúde

9 de dezembro de 2016
O município de Júlio de Castilhos decretou emergência na área da saúde devido à crise financeira do Hospital Bernardina Salles de Barros. A casa de saúde é a única que atende pelo Sus no município. Segundo a direção, os salários dos funcionários estão atrasados, há dívidas com fornecedores e falta comida, remédios e materiais de higiene e limpeza.

O setor de nutrição garante que todas as prescrições dietéticas estão sendo cumpridas, mas que as refeições são garantidas por meio de doações, pois não há crédito para compras. Como há risco do hospital fechar as portas, a prefeitura atendeu a pedido da direção e do conselho gestor para decretar emergência. Segundo a prefeita de Júlio de Castilhos, Vera Dalcin, mesmo que o município não tenha obrigação está garantindo repasse de mais de 100 mil por mês para que ele se mantenha aberto.

 
 
 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!