Busca rápidaX

Crise na Saude: Atraso milionário em repasses prejudica atendimentos nos municípios

8 de novembro de 2018

   A FAMURS – (Federação dos Municípios do Rio Grande do Sul) divulgou, nesta semana, dados referentes a dívidas do Governo do Estado com Municípios no que concerne a área de Saúde. Segundo as informações da entidade, hoje, esses valores ultrapassam R$500 milhões, que deveriam ser aplicados nas UPAs, nas ambulâncias do Samu e na Farmácia Básica: serviços que para a FAMURS seguem em operação graças ao esforço de prefeitos, que retiram investimentos de outras áreas para suprir o rombo da saúde.

  – O Município de Ijuí, busca através da justiça, o pagamento de mais de R$ 3 milhões junto ao Governo do Estado, referente a serviços prestados ainda no ano de 2014.

  – Panambi enfrenta um atraso nos repasses de mais de R$ 3 milhões e em Santo Ângelo, este número supera os R$6 milhões de Reais.

   O Superintendente da FAMURS Gustavo de Souza, disse, em Entrevista as Programa Rádio Ligado da Rádio Progresso que o problema é muito complexo e está sendo discutido desde 2013. Para a FAMURS este assunto deverá ser tratado de forma emergencial por parte do governo Eduardo Leite(PSDB), que inicia em Janeiro. 

 Gustavo de Souza explicou ainda que, o Governador Sartori(MDB) se comprometeu com o pagamento de R$40 milhões dos atrasos com os municípios, porém pagou apenas 50% deste valor. Enquanto isso, segundo o superintendente da FAMURS, os municípios se utilizam de recursos de outras pastas para suprir a carência na saúde pública, o que poderá acarretar problemas futuros, junto ao Tribunal de Contas do Estado.

Compartilhar
  • 18
  •  
  •  
  •  
  •  
    18
    Shares
Fonte: Radio Progresso AM 690

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Peugeot Champs Elysées
Estude Medicina na Argentina

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!