Busca rápidaX

MANCHETES

Cruzeiro com cerca de 7 mil pessoas é isolado perto de Roma por casos suspeitos de coronavírus

30 de janeiro de 2020
Navio Costa Smeralda ancorado no porto italiano de Civitavecchia — Foto: Reuters/TV

Quase 7 mil pessoas foram retidas em um navio de cruzeiro no porto italiano de Civitavecchia, perto de Roma, por pelo menos um caso suspeito de coronavírus a bordo, anunciaram as autoridades de saúde locais nesta quinta-feira (30). O primeiro exame descartou a possibilidade de que a chinesa esteja infectada com o parasita que causa a doença.

A empresa Costa Cruzeiros, responsável pela viagem, confirmou que, do total de pessoas embarcadas, 6 mil são passageiros e as demais são integrantes da tripulação.

Destaques do surto nesta quinta:

  • 170 mortes na China
  • 7,7 mil casos espalhados por toda a China
  • Outros 18 países têm mais de 70 pacientes infectados
  • OMS faz reunião para decidir sobre emergência global
  • Rússia fecha fronteira com China
  • 9 casos suspeitos no Brasil até 12h de quarta (29)
  • Aumentam as suspensões de voos para a China
  • Testes da vacina devem começar em junho

Antes da divulgação do teste, uma porta-voz do centro de saúde de Civitavecchia explicou que a situação estava sendo avaliada por médicos. “O ministério da Saúde nos alertou sobre possíveis casos e enviou três médicos a bordo para realizar os exames prévios”, informou a porta-voz à AFP.

A empresa de cruzeiros explicou em um comunicado que “ativou o protocolo para um caso suspeito relacionado a um hóspede de Macau atualmente a bordo do Costa Smeralda”.

“A mulher, de 54 anos, foi colocada em um quarto isolado da enfermaria a bordo, juntamente com seu companheiro de viagem”, informou a empresa. A mulher tinha febre, mas seu marido não apresentava sintomas, aponta o jornal britânico “The Guardian”.
O navio, de propriedade de uma das maiores empresas de cruzeiros do mundo, “veio de Palma de Mallorca e estava programado para realizar uma viagem de uma semana pelo Mediterrâneo”, segundo a nota da empresa.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: G1