Busca rápidaX

MANCHETES

Reajuste médio aos usuários do Demei será de 6,11 % nas tarifas de energia

23 de julho de 2020

Na última terça-feira (21), durante reunião pública ordinária da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, foi divulgado novo reajuste tarifário anual do Departamento Municipal de Energia de Ijuí – Demei.

Em entrevista à Rádio Progresso nesta manhã, o diretor-presidente da autarquia disse que a variação do dólar influenciou nos reajustes das tarifas de energia na medida em que afetou diretamente os custos de geração e distribuição, devido á característica de binacionalidade do sistema de Itaipú. “A moeda que em 2019 operava ao valor de R$ 3,85, é hoje comercializada a R$ 5,27, uma alta de aproximadamente 37%” afirma.

Ainda segundo Harter, o reajuste médio sentido pelos consumidores será de 6,11%, sendo que, deste montante, apenas 0,17% é oriundo de custos da própria distribuidora. “Ao ingressar no mercado de leilões de compra de energia em 2019, garantindo a diminuição de 9,18% na tarifa daquele ano, o Demei acabou propiciando um menor impacto para os consumidores frente ao atual cenário econômico.” destaca o diretor-presidente da autarquia Rubem Härter.

O diretor-presidente, durante entrevista, lembrou ainda que nos últimos 10 anos houve um aumento de 85,37 % do IGPM- índice Geral de Preços do Mercado, e de 71,20% do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), valores estes que influenciam em tarifas.
Apesar disso, o reajuste repassado pelo Demei aos seus consumidores no mesmo período foi de apenas 46,31%, índice bem abaixo da inflação.
O novo reajuste tarifário começou a vigorar nesta quarta-feira, 22.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí