Busca rápidaX

Determinação que suspende aulas presenciais no estado pode alterar calendário escolar regional

1 de março de 2021

Na noite de ontem (01), por meio de determinação, a juíza Rada Maria Metzger Kepes Zaman, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, suspendeu a realização de aulas presenciais nas escolas públicas e privadas do Rio Grande do Sul. Com isso, os calendários escolares podem sofrer alterações. De acordo com Odilar de Vargas, Secretário da Educação de Coronel Barros e presidente do Conselho de Secretários Municipais de Educação da Associação dos Municípios do Planalto Médio (Amuplam), o calendário escolar dos municípios que estão sob conselho da associação é padronizado e estava definido início das aulas remotas (online) em 8 de março para todos os anos. Ainda de acordo com ele estava definido o início das aulas híbridas (parte presencial e parte online) para os alunos de 1º a 9º ano a partir do dia 15 de março e para os alunos da educação infantil (pré 1 e pré 2), para o dia 22 de março. Conforme Odilar de Vargas, nesta semana haverá uma reunião entre prefeitos de abrangência Amuplam para tratar do novo calendário escolar caso o período de bandeira preta seja estendido. 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!