Busca rápidaX

Direção da Expoijuí/Fenadi 2019 divulga prestação de contas

28 de novembro de 2019

Os números da prestação de contas da Expoijuí Fenadi 2019 foram apresentados nessa manhã (28), na ACI, em Ijuí. A receita global do evento foi de R$ 2.536.789,15. A venda de espaços foi o valor mais representativo, que abrangeu 64% da receita, com R$ 1.637.794,15, precedido da venda de ingressos, que representou 27% do total, com 695.490,00. Após serem debitadas as despesas, o resultado bruto do evento foi R$ 775.805,52, e o líquido representou R$ 469.881, 18.
Segundo a Presidente da Feira, Nadine Dubal, houve um aumento de repasse para a prefeitura. No ano passado foram destinados cerca de R$ 179.000,00, nesta edição o montante chegou a R$ 305.924,34 em investimentos, além de impostos e energia que totalizados, representam R$ 629.000,00. Dentro das melhorias feitas no parque destacaram-se a reestruturação da parte elétrica bem como a aquisição de 4 climatizadores industriais, no valor total de R$ 50.000,00, entre outras reformas. Já o repasse para a UETI gerou contradições. Segundo a prestação de contas, o valor destinado à União das Etnias no ano passado foi R$ 90.000,00 e neste ano o valor foi de 115 mil 480 reais. No entanto, Chico Roloff, produtor cultural da entidade, esclareceu que houve dois repasses feitos na edição anterior, um de R$ 90.000,00  e outro de R$ 24.000,00  que resultaria em praticamente o mesmo valor desta edição. Roloff contrariou, portanto, o anúncio de aumento no repasse de verbas para a entidade. Além disso, Nelson Casarin questionou a apresentação de resultados das casas étnicas, que expressaram aumento de comercialização. Segundo o presidente da UETI exceto 1 etnia, todas registraram baixa nas vendas em relação ao ano passado.
Durante a prestação de contas, foi discutido ainda a situação dos locais dos shows e do parque de diversões. Segundo as lideranças tanto o parque quanto os shows não geram benefícios para a feira. Nadine salientou que na próxima edição do evento o local hoje destinado aos shows será utilizado pelo agronegócio, devido ao número elevado de empresas de maquinários agrícolas interessados em participar da feira. Cogitou-se junto ao prefeito Valdir Heck a possibilidade de comprar um terreno ou construir uma ponte na cabeceira da pista com o objetivo de ampliar a área do parque de exposições Vanderlei Burmann.
Na oportunidade também foi sugerido, por Jerry Jorys, vice-presidente do Sindilojas, a discussão mais conjunta dos promotores da Expoijuí/Fenadi, principalmente em relação a apresentação de resultados, uma vez que os eventos ocorrem simultaneamente.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!