Busca rápidaX

MANCHETES

“Em cima do ringue não existem problemas”. Conheça o ijuiense “Urso Negro”, terceiro colocado no campeonato mundial de artes marciais

2 de dezembro de 2021

Foram mais de 40 horas de uma longa viagem que começou em Ijuí e terminou no Rio de Janeiro. Aos oito anos, quando o ijuiense Abel Rodrigues Zimmermann começou a treinar karatê, nem imaginava os títulos que estavam por vir. No entanto, toda dedicação e todas as horas dentro do ônibus valeram a pena, e no final do mês de novembro, o “Urso Negro” como é conhecido, conquistou o terceiro lugar nas categorias Kickboxing Point e Kickboxing Low Kicks, durante o Campeonato Mundial de Artes Marciais CBLAM – UIAMA que aconteceu no Rio de Janeiro. Em entrevista à Rádio progresso, o ijuiense falou sobre as batalhas que enfrentou ao longo dos seus 21 anos.

O início de sua carreira no esporte se deu por incentivo do pai. Dos oito aos 11 anos ele se dedicou ao karatê. Mas foi aos 11 anos que o competidor conheceu aquele que seria o esporte de sua vida: o Kickboxing. O primeiro título não demorou pra vir, foi aos 13 anos. Hoje, além das competições que participa, o Urso Negro passa seu aprendizado a outras crianças, através de um centro de treinamento no bairro Glória de Ijuí, onde dá aulas de Kickboxing e muay thai.

Mas, quem pensa que Abel está feliz com o terceiro lugar no campeonato mundial de artes marciais, está muito enganado. Ele quer o ouro, e tem certeza que em 2022 vai trazer o título de campeão mundial a Ijuí.
No Rio de Janeiro, a competição foi muito mais difícil do que imaginou: “teve muita pancadaria, foi uma verdadeira guerra” afirma. Questionado sobre o que sente quando pratica o esporte, Abel não hesita em responder que lá, em cima do ringue, se resolvem todos os problemas da vida. “Parece que lá tudo fica bem, nada de ruim acontece”.

A próxima batalha de Abel já tem data marcada: dia 18 de Dezembro, o ijuiense vai a Canoas em busca do cinturão, onde participa da principal luta na Copa Sparta 2.
Para o ano que está chegando a meta é clara: título de campeão mundial no Campeonato Mundial de Artes Marciais. “Aos 12 anos prometi ao meu pai que seria campeão e tenho certeza que vou conseguir”.
Empresas que quiserem incentivar e ajudar o ijuiense, já que os custos até chegar no ringue são muito elevados, podem entrar em contato pelo telefone (55) 99169-6638.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!