Busca rápidaX

Em entrevista na RPI, senador afirma que já tem número mínimo de assinaturas para criar CPI da Previdência Social

3 de março de 2017
O senador Paulo Paim, PT/RS, espera conseguir em torno de 35 assinaturas para criar a CPI da Previdência Social. Em entrevista na Progresso, falou que já tem 29. O mínimo é 27. Destacou que pretende conseguir mais do que o necessário para a instalação dos trabalhos para evitar problemas, visto que senadores já avisaram que estão sendo ameaçados pelo governo federal.

Segundo ele, a União ameaça entre outras coisas, com o corte de emendas parlamentares caso apóiem a CPI. Um dos objetivos da Comissão Parlamentar de Inquérito é apurar os devedores da Previdência e investigar o que governos anteriores fizeram neste setor nos últimos anos. Paulo Paim frisou que se os auditores da Receita Federal puderam trabalhar de forma adequada, a arrecadação aumenta de forma considerável. O senador salientou que a reforma da Previdência, proposta pelo governo, é um absurdo. Também enfatizou que apenas uma pequena parte da população vai conseguir contribuir os 49 anos para se aposentar.
 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!