Busca rápidaX

MANCHETES

Em menos de duas semanas, PRF registra quase 400 multas a estrangeiros nas rodovias federais do RS

20 de janeiro de 2018
O aumento de estrangeiros, especialmente argentinos, transitando pelas estradas do Rio Grande do Sul também provoca um grande número de infrações. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), em menos de duas semanas mais de 400 veículos com placas de países vizinhos foram multados nas rodovias federais do estado.

Rodovias ultrapassadas, falta de sinalização e imprudência são as causas apontadas para as irregularidades. No caso dos estrangeiros, a maior parte das infrações foi por excesso de velocidade e ultrapassagens indevidas.

"O fluxo aumentou bastante comparado com os outros anos e, consequentemente, o número de infrações também aumentou", diz Gustavo Barth, do núcleo de policiamento e fiscalização da PRF.

A equipe da RBS TV flagrou, na tarde desta sexta-feira (19), entre Eldorado do Sul e Butiá, diversas infrações de veículos com placas argentinas. Como a rodovia também tem intenso trânsito de caminhões, às vezes as filas se formam ao longo da estrada e os hermanos pisam fundo nas ultrapassagens.

Em um dos casos, o motorista de um veículo com placa do Brasil foi o primeiro a fazer a ultrapassagem proibida. Logo em seguida, dois argentinos o seguiram. O trio fez manobras arriscadas.

A rodovia tem vários trechos com a capacidade de tráfego esgotada. Em alguns pontos, a sinalização é precária. Próximo à entrada de Arroio dos Ratos, uma placa que indica aos motoristas que devem diminuir a velocidade foi atingida por um veículo e ficou ilegível.

O principal destino é o Litoral Norte, onde os argentinos alugam casas e lotam hotéis, o que ajuda a gerar empregos e movimentar a economia do estado. Por isso, quem lida com turismo, diz que os vizinhos são muito bem-vindos.

"Acho que o argentino veio e deu uma equilibrada. Nós temos uma taxa de ocupação com um aumento em vista do ano passado, com a presença dos argentinos", comemora Francelino da Silveira, presidente do Sindicato dos Hotéis, Bares e Restaurantes do Litoral Norte.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!