Busca rápidaX

Em reunião com Cpers e MDB, Governo cede e garante votos para projeto do magistério

29 de janeiro de 2020

Em reunião com a bancada do MDB, do PP e a direção do Cpers nesta terça-feira (28), o Governo do Estado garantiu o apoio dos deputados e prometeu alterações no projeto que altera a carreira do magistério. O encontro foi articulado pelo líder do governo Frederico Antunes (PP) e contou com a presença do procurador-geral do Estado, Eduardo Cunha da Costa. A principal mudança é a garantia de congelamento da parcela autônoma dos professores e mantém a tabela com as diferenças percentuais entre as faixas asseguradas em caso de reajustes no piso nacional do magistério.

Com as mudanças, o Executivo convenceu a bancada do MDB a votar a favor da matéria e assim garantir a aprovação. Com o quórum de 53 deputados, na sessão desta terça-feira, bastam 28 votos para aprovar o texto, que exige maioria simples dos presentes. A presidente do Cpers, Helenir Schürer, afirmou que as mudanças amenizam os prejuízos do texto original. O acordo definido na reunião na Assembleia Legislativa deve ser confirmado em uma emenda do governo a ser apresentada nesta quarta-feira (29), quando o projeto deve ser votado no plenário. De acordo com o líder do governo no parlamento, Frederico Antunes (PP), diante do aval do Cpers, os deputados da oposição serão convidados a assinar a emenda com as alterações propostas.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí/Foto: Guerreiro/Agência ALRS

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!