Busca rápidaX

Embaixada pede autorização para visitar brasileiro preso na Venezuela

6 de janeiro de 2018
O Itamaraty informou que o brasileiro Jonatan Moisés Diniz está preso em uma instalação de órgão de segurança na Venezuela. De acordo com o Ministério das Relações Exteriores, Jonatan está em bom estado de saúde, e a Embaixada do Brasil em Caracas reiterou o pedido de autorização para visita consular ao cidadão brasileiro, o que pode ocorrer nas próximas horas.

A nota diz ainda que a área consular do Itamaraty está em contato com a família de Jonatan.

No dia 27 de dezembro, o deputado governista Diosdado Cabello anunciou em seu programa de televisão que Jonatan tinha sido detido por participar de uma “organização criminosa com tentáculos internacionais”, funcionando, segundo ele, por meio de uma entidade de fachada para financiar grupos de oposição.

Nas redes sociais, Jonatan publicava pedidos de doações para a ONG Time to Change the Earth – tempo de mudar o planeta. Ele diz que a instituição trabalha com caridade. Ele também fazia postagens contra o governo de Nicolás Maduro, incluindo um vídeo em que aparece um grupo de homens fardados se dizendo do Exército, que libertaria a Venezuela do que eles chamam de uma ditadura assassina.

Os governos brasileiro e venezuelano estão em crise diplomática desde dezembro do ano passado, quando o embaixador do Brasil em Caracas foi declarado "persona non grata" pela Assembleia Nacional Constituinte.

 

 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!