Busca rápidaX

MANCHETES

Executivo editará decreto com novas restrições; veja as principais mudanças

29 de outubro de 2020

Em reunião realizada na tarde de hoje (29) entre o comitê de gestão de crise da Covid-19, o prefeito municipal de Ijuí, Valdir Heck, divulgou as principais mudanças que serão implementadas no próximo decreto que será editado durante o dia de amanhã (30). O objetivo é conter o avanço da doença e diminuir a lotação dos hospitais municipais, que já tiveram que transferir pacientes por falta de vagas. Veja abaixo as principais alterações: 

-Comércio em geral atenderá em regime de plantão, com a porta encostada;
-Transporte coletivo reduzido em 50% tanto as linhas quanto a capacidade de passageiros;
-Academias, clubes sociais e atividades esportivas suspensas;
-Atividades ao ar livre serão permitidas, mas com uso de máscara;
-Postos de combustíveis podem ficar abertos somente até as 19h e com as conveniências fechadas;
-Restaurantes só podem atuar em regime de tele-entrega;
-Mercados devem obedecer regras de distanciamento e permitir a entrada de apenas 50% da capacidade de clientes;
-Igrejas precisarão fechar e só será permitida transmissão de missas e cultos de forma online;
-Praças e espaços públicos serão interditados;
-Propaganda e campanha política apenas será permitida em redes sociais ou no máximo uma pessoa por partido na rua entregando material;
-Casas noturnas e bares não poderão abrir;
-Farmácias apenas com atendimento individual.
-Serviço público restrito a 50%.
-Aulas práticas e presenciais, tanto de escolas quanto de universidades, inclusive para educação infantil, serão suspensas.
-A indústria deve seguir determinação estadual e atividades ao ar livre e setor de construção civil serão avaliadas conforme a cor da bandeira do distanciamento divulgado amanhã pelo governo do estado.

O decreto com essas medidas será publicado amanhã, sem horário previsto. As restrições devem ser adotadas pelo período de 9 dias, entre 31 de outubro, sábado, e o dia 8 de novembro.

A responsável pela vigilância epidemiológica, Andreia Amorim, afirmou que Ijuí enfrenta o maior pico de casos suspeitos e confirmados da doença desde o início da pandemia.

Segundo ela, tem chamado a atenção o elevado número de suspeitos sintomáticos. Amorim reitera que o número é exorbitante para três dias úteis. Conforme o último boletim epidemiológico, 381 pacientes estão com suspeita da covid, aguardando resultado do Lacen, e o município acumula mil 788 diagnósticos positivos desde o início da pandemia. Além disso, Andreia afirmou que o número de pacientes que passam por atendimento médico diariamente é muito grande, cerca de 50 exames são efetuado por hospital. Há a preocupação ainda em relação à recuperação dos pacientes, que está extrapolando os 14 dias previstos.

Na oportunidade também foi abordada uma reunião que acontecerá na próxima terça-feira, às 15h, reunindo órgãos de saúde e ministério público com o objetivo de debater sobre a situação dos hospitais.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí.
error: Conteúdo protegido!