Busca rápidaX

MANCHETES

Fetag RS reúne mais de 12 mil agricultores no 9º Grito de Alerta

15 de maio de 2019
DCIM100MEDIADJI_0003.JPG
Misto de revolta e indignação, foi assim que o 9º Grito de Alerta marcou a história do Movimento Sindical. Com mais de 12 mil agricultores familiares na cidade de Santa Cruz do Sul, a FETAG-RS e os 319 Sindicatos de Trabalhadores Rurais mobilizaram a classe para reivindicar a valorização da agricultura familiar, a garantia de direitos, criação e manutenção de políticas públicas, contra a perda de direitos na reforma da previdência e a favor da auditoria da dívida pública. Da Fetag regional de Ijuí participaram cerca de 300 pessoas.
Iniciando no parque de Exposições da Oktoberfest por volta das 8h da manhã os agricultores começaram a chegar. Oriundos de todos os recantos do estado, vieram para unir sua voz e chamar a atenção do governo estadual e federal.
Próximo as 10h da manhã, a multidão saiu em caminhada pelo centro da cidade, puxados por uma ala de tratores e carroças de tração animal, a mobilização fez sua primeira parada em frente ao Sinditabaco. Entidade já havia recebido a comissão ontem(14) e recebido a pauta para a valorização da produção de fumo.
A segunda parada aconteceu em frente ao Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal. Em reunião com o Banco do Brasil a primeira notícia positiva da força do Grito de Alerta foi recebida. O gerente da entidade anunciou que disponibilizarão 50 milhões para acesso dos agricultores ao PRONAF Mais Alimento.
Ao meio dia, em frente ao INSS, o ato mais forte aconteceu, com uma mística da juventude e das mulheres rurais mostrando que a categoria não deixará que o governo tire os direitos. Na assembleia de encaminhamento da mobilização, o presidente da FETAG-RS – Carlos Joel da Silva fez o anúncio da audiência obtida em Brasília.
Durante o dia de hoje, em Brasília uma comissão de representação da FETAG-RS acompanhado do Deputado Heitor Schuch e da CONTAG, realizaram audiência com o presidente da comissão especial da PEC 06/2019 – Dep. Federal Marcelo Ramos. Na oportunidade o presidente Marcelo garantiu que os rurais, o BPC, a Desconstitucionalização e a Capitalização ficarão fora da reforma.
Presidente da FETAG-RS – Carlos Joel afirma que “O Grito de Alerta já surtiu efeito! O presidente da comissão especial da PEC 06 anunciou que estamos fora da reforma. Contudo, é necessário compreender que ainda precisamos garantir o voto dos 171 deputados favoráveis à emenda na PEC.”
Carlos Joel ainda comunicou que o Grito de Alerta ecoou em Brasília, quando conseguimos agendar uma reunião com o presidente da Câmara dos Deputados – Rodrigo Maia para amanhã a tarde as 15h, para tratar sobre a reforma da previdência para os rurais. Ainda, garantiu a vinda do Secretário da Agricultura Familiar e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Fernando Schwanke, no dia 17 de maio, na sede da FETAG-RS, para discutir o próximo Plano Safra.
“O Grito de Alerta cumpriu seu papel! Sentimos a emoção dos agricultores familiares que estiveram na mobilização e mostraram para a sociedade sua voz e sua força e ainda, definiram em assembleia que se não forem atendidas as reivindicações, estão prontos para novas mobilizações no estado e em Brasília. Fizemos uma mobilização que vai ficar na história do movimento sindical” completa Carlos Joel.
Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Fetag

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!