Busca rápidaX

MANCHETES

Fogos menos barulhentos são a novidade do Réveillon em Porto Alegre

31 de dezembro de 2018

Depois de dois anos sem festa, o Réveillon de Porto Alegre retorna na noite deste dia 31, conduzindo ao ano vindouro as cerca de 100 mil pessoas que devem estar na Orla Moacyr Scliar, como estima a prefeitura. 

O evento terá um destaque: a queima de fogos mais silenciosa. As baterias de tiro — que costumam causar os estouros — não serão utilizadas. Assim, a barulheira da queima de fogos que assusta animais e perturba quem precisa descansar dará lugar apenas ao ruídos de propulsão do dispositivo (e no momento em que o artefato deflagra a exibição de luzes no céu).

— Queima totalmente sem barulho não existe, mas essa é a opção mais próxima. Não terão aqueles estouros, somente o som do lançamento dos foguetes. Esse tipo de pirotecnia está se tornando uma tendência. É muito menos agressivo, em se tratando de poluição sonora — explica o secretário municipal de Cultura, Luciano Alabarse.

Logo que a administração da Capital resolveu retomar a ideia de organizar a virada do ano às margens do Guaíba, o secretário recorda que diversas entidades se manifestaram, preocupadas com o barulho da queima dos fogos. Alabarse conta que o diálogo com esses grupos foi importante para achar uma opção que não tirasse “o brilho da festa”.

— Todos os atos públicos acabam gerando algum atrito. Sempre tem um contraponto. Então, temos que procurar achar uma saída que seja boa para ambos. Nesse caso, mantemos a queima, mas conseguimos diminuir bastante a questão do barulho — relaciona Alabarse.

Compartilhar
  • 65
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    65
    Shares
Fonte: Gaúcha ZH
error: Conteúdo protegido!