Busca rápidaX

Formalizado pedido de auditoria para tornar RS livre de febre aftosa sem vacinação

23 de abril de 2019

A Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul formalizou, ontem, o pedido de auditoria do Ministério da Agricultura no sistema de defesa sanitária animal com o objetivo de avaliar, na segunda quinzena de julho deste ano, a situação em relação à febre aftosa.

A iniciativa visa à possível evolução de status sanitário para a condição de livre de febre aftosa sem vacinação, ou seja, retirar a vacinação obrigatória contra a aftosa. O secretário, Covatti Filho, entregou o documento durante o ato de lançamento da Frente Parlamentar em Apoio à Evolução do Status Sanitário Animal do Rio Grande do Sul, realizado na Assembleia Legislativa.

Conforme o documento, houve progresso no sistema de vigilância e monitoramento a campo em todo o Estado. Na quarta-feira da próxima semana, primeiro de maio, vai iniciar nova campanha de vacinação contra a febre aftosa em todos os bovinos e bubalinos do Rio Grande do Sul. Dentre os 29 municípios da Coordenadoria Regional de Agricultura, com sede em Ijuí, devem ser imunizados em torno de 314 mil, 150 animais.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí e Governo do Estado

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!