Busca rápidaX

MANCHETES

Frente Parlamentar em defesa de agricultores e funcionários com créditos a receber da Cotrijuí é lançada na Assembleia

17 de maio de 2018

Foi instalada nesta quinta-feira a Frente Parlamentar em defesa dos agricultores e funcionários com créditos a receber da Cotrijuí na Assembléia Legislativa, em Porto Alegre. A iniciativa é do deputado estadual Aloísio Classmann (PTB). O objetivo é encontrar alternativas e soluções para que os produtores e funcionários recebam os valores devidos pela cooperativa, cuja dívida chega a 1,8 bilhão de reais.

Como presidente da Frente Parlamentar, Classmann projeta avançar na busca de soluções e apresentar resultados em até seis meses. O parlamentar aposta na comunicação com todos os envolvidos para alcançar os objetivos. "Nós queremos ter feito, até o final do ano, um trabalho bem amplo, com muito diálogo com a administração judicial. Temos que buscar alternativas. Queremos dialogar com os agricultores também", destaca. O primeiro passo, segundo o parlamentar, é fazer contato com o poder judiciário para levar as demandas dos produtores. A Frente Parlamentar, em conjunto com os municípios da região, deve promover audiências públicas com os agricultores e funcionários ligados à Cotrijuí.

Nenhum representante dos sindicatos e dos agricultores participou do ato de lançamento da Frente Parlamentar. Segundo a assessoria do PTB, os convites foram enviados para as entidades e sindicatos ligados aos agricultores, no entanto o Grito de Alerta em Santo Ângelo e a Expoleite que acontece  em Esteio não permitiu a presença dos convidados. A administradora judicial da Cotrijuí esteve presente com dois representantes. Secretários, vereadores e prefeitos de toda a região noroeste do Estado acompanharam o evento em Porto Alegre. Registraram presença o prefeito de Coronel Barros, Edison Osvaldo Arnt, o prefeito de Bozano, Ernesto Nicoletti, o prefeito de Chiapetta, Eder Both, vereadores de Ajuricaba, Santo Augusto e Três Passos, entre outros.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!