Busca rápidaX

MANCHETES

Grito de Alerta movimenta agricultores familiares de hoje até quinta-feira nas Missões

15 de maio de 2018
Na foto, as atividades desta terça-feira à tarde no acampamento em Entre-Ijuís

O Grito de Alerta deste ano, que vai acontecer quinta-feira, 17, em Santo Ângelo, debaterá temas relacionados à agricultura familiar e, como novidade, assuntos que dizem respeito à sociedade em geral, como alta carga tributária, pacto federativo, foro privilegiado, além da forma de liberação de emendas parlamentares.

Conforme o coordenador macrorregional da Federação dos Trabalhadores na Agricultura, Agnaldo Barcelos, no que diz respeito à área agrícola, o movimento vai requisitar redução de juros, questões do Pronaf, sucessão rural, habitação rural, dentre outros temas. As discussões iniciaram hoje à tarde com o começo do acampamento no trevo de entroncamento da BR 285 com a ERS 344, município de Entre-Ijuís.

Nesta tarde, por exemplo, o debate abordou os motivos dos agricultores não conseguirem agregar valor nas propriedades. Nesta quarta-feira, durante todo o dia, seguirão os debates no acampamento, com discussão dos assuntos que estarão em pauta quinta-feira no Grito de Alerta. Quinta-feira, às 5 horas da madrugada, o grupo do acampamento vai seguir em caminhada até a entrada da cidade de Santo Ângelo, onde as caravanas se reúnem para deslocamento até o centro da Capital Missioneira.

Por outro lado, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ijuí vai receber até esta quarta-feira pela manhã inscrições de interessados em participar do Grito de Alerta. O transporte vai ser gratuito. Um ônibus vai partir da cidade de Bozano e outro da empresa Três Tentos, no distrito de Mauá.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!