Busca rápidaX

MANCHETES

IGP divulga nota afirmando que menino morto em rio não foi atacado por cobra

2 de janeiro de 2018
O IGP, Instituto Geral de Perícias, divulgou nota na tarde de hoje, 02, trazendo novas informações sobre o trágico falecimento do menino Guilherme enquanto este banhava-se no Rio Teixeira.

Estas informações são contraditórias em relação ao testemunho de pessoas que estavam presentes durante o ocorrido. Contradiz também informações divulgadas pelo Corpo de Bombeiros.

NOTA DE ESCLARECIMENTO
Sobre o falecimento de GUILHERME DA SILVA ANDRADE: o Instituto-Geral de Perícias esclarece que, no dia 1º de janeiro de 2018, o Posto Médico Legal de Passo Fundo recebeu o corpo de Guilherme da Silva Andrade para exames. De acordo com o Laudo de Necropsia, foram encontrados sinais internos de asfixia, além de sinais específicos de afogamento, os quais dão elementos para afirmar que a morte foi devido à ASFIXIA MECÂNICA POR AFOGAMENTO. Registra-se que os membros não apresentavam fraturas, bem como não há outras particularidades a serem mencionadas. Por fim, foi coletado um fragmento de pulmão para pesquisa de plâncton, exame confirmatório de afogamento.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!