Busca rápidaX

Inspetorias Veterinárias voltam a receber notas fiscais de vacinas anti-aftosa e Afagro poderá retomar greve

26 de dezembro de 2019

Com a suspensão da greve dos Fiscais e Técnicos Agropecuários da secretaria da Agricultura e Desenvolvimento Rural do Rio Grande do Sul, as Inspetorias Veterinárias voltam a receber as notas fiscais de compra das vacinas contra a febre aftosa.

A paralisação foi suspensa na última sexta-feira. A categoria protesta contra o pacote de projetos do governo gaúcho que muda o plano de carreira dos servidores. O supervisor da Coordenadoria Regional da Agricultura, com sede em Ijuí, Emilio Stum, alerta que os proprietários de bovinos e bubalinos precisam entregar as notas fiscais da vacina anti-aftosa nas Inspetorias, o que não foi possível durante a greve, caso contrário, ficam inadimplentes.

A campanha de imunização contra a aftosa ocorreu de novembro até meados deste mês, quando a vacinação abrangeu bovinos e bubalinos com até dois anos de idade. Durante entrevista hoje pela manhã na RPI, o presidente da Afagro – Associação dos Fiscais Agropecuários do Rio Grande do Sul – Pablo Fagundez Ataíde, disse que a greve da categoria fica suspensa até dia 21 de janeiro próximo.

Isso porque, no fim do mês que vem a Assembleia Legislativa deverá retomar a votação do pacote de projetos do governo gaúcho. Ele acredita que no fim do mês de janeiro a greve vai ser retomada. Pablo Fagundez Ataíde comentou que uma das principais reclamações é que o governo Eduardo Leite que reduzir o valor pago de insalubridade. Além disso, a categoria reivindica reajuste salarial, pois há cinco anos não existe aumento nos vencimentos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!