Busca rápidaX

MANCHETES

Instituto do Coração do HCI oferece novo tratamento para arritmias cardíacas

9 de junho de 2021

O primeiro procedimento de mapeamento eletroanatômico foi realizado nesta terça-feira com total êxito e segurança ao paciente.

O Instituto do Coração do Hospital de Caridade de Ijuí é referência na oferta de serviços de saúde no RS.
Dentre os serviços ofertados está o de diagnóstico e tratamento de arritmias. Este servico iniciou em 2014, e deste então já são sete anos e mais de 1.500 procedimentos realizados.
Neste momento o serviço entra em um novo momento, explica o Dr. Rafael Manhabosco Moraes, médico eletrofisiologista e Coordenador do Serviço de Arritmias Cardíacas do Instituto do Coração do HCI.
“Agora começamos a fazer tratamento de arritmias mais complexas, que necessitam de um sistema de mapeamento adicional, o que até então não estava disponível na instituição, o chamado sistema de mapeamento eletroanatômico”, disse o Eletrofisiologista.
Segundo ele, esse sistema permite que a equipe de profissionais de saúde reconstitua o coração de maneira tridimensional, tendo maior nitidez e precisão sobre o local onde é preciso fazer o tratamento da arritmia. Com isso conseguimos mais precisão e mais segurança para tratar determinadas arritmias. A tecnologia garante mais efetividade e também segurança, evitando atingir estruturas que não podem de maneira nenhuma ser lesadas durante um procedimento de maneira inadvertida”, explica o Dr Rafael.

Para a realização deste procedimento o médico contou com apoio de uma equipe de Porto Alegre. A empresa traz esse sistema de mapeamento permitindo aumentar o hall de arritmias que vamos poder tratar aqui no Instituto do Coração”.

Até então, os pacientes que necessitavam deste procedimento eram encaminhados para outros centros. Mas agora serão atendidos aqui.
Dr. Rafael reforça ainda que, por enquanto, esta é uma tecnologia que só está disponível para paciente que têm convênio e ou por atendimento particular.
“Vamos dispor desse tipo de serviço para toda a região e hoje o procedimento realizado foi em um paciente masculino de 65 anos, que teve êxito, já que conseguimos reverter a arritmia dele com o auxílio da nova tecnologia”, conclui o Coordenador.

O primeiro procedimento de mapeamento eletroanatômico realizado pelo serviço de arritmias do Incor contou com a participação do anestesista, Dr. Júlio Coracini. O serviço de arritmias conta ainda com a participação da Dra. Andriele Cristina de Oliveira.

O Instituto do coração do HCI da mais um passo para sua consolidação como um dos maiores e mais completos serviços para o diagnóstico e tratamento de doenças cardiovasculares.

 

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Assessoria de Comunicação Hospital de Caridade de Ijuí
error: Conteúdo protegido!