Busca rápidaX

MANCHETES

Integrantes do PP e MDB se mantém no governo ijuiense mesmo com nova coligação para eleições

23 de setembro de 2020

Coligados na atual administração ijuiense, PDT, PP e MDB vão estar em lados opostos na eleição municipal deste ano. Isso porque, o PDT aprovou coligação com PSB e mais alguns partidos. Já PP e MDB estarão unidos em outra frente, também com demais siglas.

Com isso, fica a discussão sobre os atuais cargos que progressistas e medebistas têm na prefeitura de Ijuí nesta gestão. O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Antônio Tâmbara, disse que está licenciado do PP desde março de 2020.

Ele segue com ficha assinada na sigla, mas não participa de decisões do Partido Progressista. Segundo Tâmbara, além dele, alguns outros integrantes do PP que integram o Executivo ijuiense também se licenciaram do partido.

Diante disso, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico enfatizou que pretende ficar na administração municipal até o fim da atual gestão, ou seja, dezembro próximo, mas isso também depende do prefeito, Valdir Heck. Ainda frisou que o PP não exigiu que ele deixasse o governo municipal.

Também dos quadros do Partido Progressista, o presidente do Departamento Municipal de Energia de Ijuí, Rubem Herter, explicou que hoje retorna de férias e antes de qualquer anúncio, precisa conversar com o prefeito, Valdir Heck. Quem também faz parte do primeiro escalão do Executivo ijuiense pelo PP é o vice-prefeito, Valdir Zardin. Porém, nesse caso, como foi eleito pela população, pode seguir até o fim do mandato.

No caso do MDB, o secretário de Habitação de Ijuí, Ramsés Lemos, que integra a sigla, entregou ao prefeito o pedido de afastamento do cargo. Porém, ficou acertado que permanece na função pelo menos até o final deste mês. Ramsés Lemos também é presidente do MDB em Ijuí.

Já o secretário municipal de Administração, Élio Quatrin, pediu a desfiliação do MDB, por isso, pretende ficar na prefeitura até o final da administração. Por outro lado, o coordenador do Sine ijuiense, Marcelo Gonzaga, do MDB, explicou que vai permanecer no cargo até a conclusão da atual gestão, até porque existe tramitação muita longa para nomear novo responsável pelo órgão público de empregos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!