Busca rápidaX

IRDeR investe em melhorias para a suinocultura

25 de junho de 2018

Com o objetivo de atender as demandas de ensino e pesquisa dos cursos de Medicina Veterinária e Agronomia da Unijuí, no desenvolvimento das práticas zootécnicas executadas por alunos e professores, foram realizados adequações e investimentos na suinocultura do IRDeR.

Houve reforma de dois pavilhões de alvenaria para abrigar as matrizes e a aquisição de 21 leitoas Agroceres, as quais são de genética certificada e rustificada. Além de qualificar as atividades de ensino e pesquisa dos cursos, os investimentos serão importantes para atender a demanda da região, pois produtores adquirem leitões produzidos no IRDeR adaptados às condições de manejo regional.

As leitoas têm alta eficiência reprodutiva e habilidade materna, capazes de conferir uma leitegada com alta viabilidade e o melhor desempenho zootécnico do mercado, com um padrão de carcaça e sanidade garantidas, que irão incrementar a atividade, melhorando os índices zootécnicos, principalmente número de partos/ano e leitegada viva, para continuarmos a atender o produtor familiar, de acordo com o Departamento de Estudos Agrários (DEAg) da Universidade.

Outra prática que está sendo adotada nesta nova fase da suinocultura no IRDeR é a inseminação artificial, que possibilitará o uso de sêmen de machos geneticamente superiores, permitindo a introdução de reprodutores de alto valor zootécnico, agregando valor genético ao rebanho suíno.

Também irá facilitar o controle de doenças que possam interferir na eficiência reprodutiva e reduzir o risco de transmissão das mesmas e permitirá programar os nascimentos de leitões e monitorar individualmente as matrizes, manter a homogeneidade dos lotes de animais pela padronização das características de produção e de carcaça e viabilizar o manejo do desmame em lotes.

Com este novo enfoque na atividade suína, o IRDeR irá produzir leitões com genética de ponta, qualidade de carcaça e sanidade, atendendo a demanda regional de produtores familiares.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Unijuí

Deixe seu comentário

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido !!!