Busca rápidaX

MANCHETES

Juiz decreta a liquidação da Cotrijuí

23 de outubro de 2019

O juiz Guilherme Mafassioli Corrêa decretou na tarde de hoje, 23/10, a liquidação da Cotrijuí, Cooperativa Agropecuária & Industrial. 

A liquidação judicial é um procedimento judiciário que visa a satisfazer os direitos dos credores com relação ao patrimônio de uma pessoa ou de uma empresa em estado de insolvência. 

Informações iniciais indicam que a soja que os produtores rurais entregaram na cooperativa durante o mandato do ex-presidente Fragoso e que ainda não receberam os valores devidos, terão prioridade de receber os valores, obedecendo a ordem de venda dos patrimônios e pagamentos dos impostos devidos ao governo, e os direitos dos funcionários.

Outra informação importante, é que na decisão do juiz Guilherme, os associados não serão solidários a dívida da Cotrijuí e portanto não terão que arcar com nenhum pagamento aos credores. Esta decisão é vista por alguns juristas como passível de discussão, pois a lei cooperativista prevê que os sócios são donos da cooperativa.

Fundada no dia 20 de julho de 1957, em Ijuí, a Cotrijuí chegou a ter mais de 3.000 funcionários, quando foi considerada a maior cooperativa da América Latina. Possuiu operações em diversas áreas: supermercados, postos de combustível, indústria de cereais, frigorífico e beneficiamento de carne, fábrica de rações e moinho, dentre outros.

Em breve mais detalhes.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí.

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!