Busca rápidaX

Mãe que causou acidente e tentou matar a própria filha é condenada a 19 anos de prisão

18 de novembro de 2021

Seis meses após causar uma colisão na BR-386 com o intuito de matar a própria filha, uma mulher foi condenada a 19 anos e quatro meses de prisão por tentativa de homicídio com agravante de motivo torpe. O julgamento ocorreu nessa quarta-feira. Contra a ré pesou o vídeo divulgado por ela mesmo antes do acidente, comprovando a intenção de tirar a própria vida e a da filha.

A defesa alegou que ela agiu sob forte pressão emocional devido a uma relação conturbada com o ex-marido. Ela disse que no dia do crime flagrou uma situação de adultério. Afirmou que não lembrou de ter buscado a filha e se disse arrependida. Após o julgamento, ela retornou ao Presídio Madre Pelletier, em Porto Alegre.

O CASO 

Em vídeo gravado pela mulher no interior do veículo, ela convidar a própria filha para cometer suicídio: “Vamos se matar, filha? Dá tchau para o papai”, diz a mulher, enquanto grava um vídeo em formato selfie, enviado para o ex-marido.

A mulher de 34 anos conduzia um Fiat Uno, com placas de Cruzeiro do Sul, e se envolveu em acidente com uma Hyundai Tucson, com placas de Ijuí, e um caminhão que levava uma retroescavadeira.

No primeiro momento, a criança concorda, sem saber o que a mãe está falando. Depois, quando a mulher fala que a criança não irá mais ver o ‘papai’, a pequena diz que não e passa a chorar. 

A mulher de 34 anos ficou presa às ferragens e o Corpo de Bombeiros necessitou do uso de desencarcerador para a retirada da vítima do veículo. A criança de dois anos, que estava no banco de trás, em uma cadeirinha, teve apenas ferimentos leves.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
error: Conteúdo protegido!