Busca rápidaX

MANCHETES

Neymar é criticado duramente pela imprensa francesa após eliminação do PSG

11 de maio de 2021

Eliminado pelo Manchester City na semifinal da Liga dos Campeões da Europa, o PSG ainda não conseguiu realizar o desejo de conquistar a competição de clubes mais importante do mundo. Dono de um dos investimentos mais altos do mundo, com contratações de peso a cada temporada, o clube francês segue soberano nacionalmente, mas sem conseguir expandir seu poder para o restante do continente.

Após a derrota no primeiro jogo atuando em Paris, jornais franceses e parte da torcida fizeram críticas duras à dupla estelar da equipe: Neymar e Mbappe. Foram criticados por não conseguirem garantir um bom resultado atuando em casa. Mais do que isso, por não serem decisivos em um momento importante da temporada e levar o clube à conquista de um título inédito. Mas ainda havia o jogo da volta, em Manchester.

Sem Mbappe, que está lesionado, ficou para Neymar a responsabilidade de liderar o time em uma virada que poderia ser épica e histórica para o time comandado por Mauricio Pochettino. A partida gerou grande expectativa, jornais do mundo inteiro, como O jornalesportes.com, esperavam uma grande atuação do brasileira e camisa 10 do time. Mas isso não aconteceu. Ao contrário, a péssima exibição de Neymar levantou a ira dos jornais parisienses.

O “Le Parisien” qualificou a exibição do brasileiro como “Neymar, um gênio sem idéias”. A análise segue. “O brasileiro ficou completamente perdido na semifinal. Sem inspiração […] Decepcionante”, diz o jornal. Jerome Rothen , ex-jogador do PSG e agora comentarista do RMC Sport, também fez críticas duras “Ele é um gênio, mas quando está nesse estado de espírito, quando ele perde uma em cada duas bolas, quando ele não está se esforçando para o time, é totalmente inaceitável”, disse.

O ex-jogador continuou. “Nós esperávamos mais de Neymar em Manchester, mas ele não correspondeu. O clube quer renovar seu contrato por um valor altíssimo, mas você também tem que repensar isso. É preciso que as pessoas digam a Neymar quando ele não joga bem, esse é o papel do diretor esportivo do PSG. Não sei pode bajulá-lo apenas com o interesse em renovar seu vínculo”, analisou Rothen.

O ‘L’Equipe’ não economizou nas duras críticas ao brasileiro. “Contra o Manchester City, Neymar descarrilou”, diz parte da publicação. “Ele não poupou esforços, mas estava um tanto disperso e não foi o líder esperado”. O jornal francês destaca ainda que “Neymar foi uma grande decepção na eliminação do PSG” e que o camisa 10 desperdiçou a oportunidade de brilhar no clube. “Neymar parecia sobrecarregado com a responsabilidade que lhe foi designada”, finalizou a publicação.

A revista ‘France Football’, que deu nota 2 pela exibição de Neymar, analisou o confronto do brasileiro nos seguintes termos. “Neymar, é uma piada? Foi realmente necessário dar seis toques cada vez que tocava na bola? Neymar revelou seu lado sombrio contra o Manchester City.”

As críticas seguem. “Ele queria fazer tudo sozinho. Na ausência de Mbappé, ele havia decidido que o destino da partida  estava em seus pés, sem contar com ajuda dos seus companheiros de equipe. Neymar agiu como se fosse o centro do mundo e pouco fez para compartilhar as jogadas com seus colegas de time”, afirma o texto.

Para finalizar, a France Football  afirma que brasileiro desperdiçou uma quantidade impressionante de bolas boas. “Neymar foi extremamente egoísta. Ele deveria liderar a equipe contra o Manchester City e ajudar o PSG a chegar à final, mas Neymar foi catastrófico”, finaliza a publicação.

O Manchester City vai enfrentar o Chelsea na final da Liga dos Campeões da Europa. A equipe de londres eliminou o Real Madrid na semifinal, com uma vitória por 2 a 0 no duelo desta quarta-feira.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Foto: C.Gavelle/PSG
error: Conteúdo protegido!