Busca rápidaX

No dia Mundial sem Tabaco, conheça o Programa de Controle do Tabagismo que atua há 15 anos em Ijuí

31 de maio de 2020

Hoje, 31 de maio, é comemorado o Dia Mundial sem Tabaco, criado em 1987 pela Organização Mundial da Saúde- OMS.
Extremamente prejudicial à saúde, o cigarro é a forma mais disseminada do tabagismo. Contém cerca de 4 mil 720 substâncias tóxicas e, dessas, 70 são cancerígenas.

Atualmente são 7 milhões de mortes por tabaco por ano no mundo. No Brasil são 156 mil, ou seja, 427 pessoas morrem por dia, em razão do tabaco, que é responsável por mais de dois terços das mortes por essa doença no mundo.
No Brasil, o Instituto Nacional de Câncer (Inca) disse que até o fim de 2019, foram registrados cerca de 31 mil 270 novos casos de câncer de traqueia, brônquio e pulmão em decorrência do tabagismo, sendo 18 mil 740 em homens e 12 mil 530 em mulheres.

Para atuar no combate, em Ijuí, existe o Programa Municipal de Controle do Tabagismo, que em julho completa 15 anos de atuação no município. Vinculado ao Programa Nacional de Controle do Tabagismo do Ministério da Saúde e ao Instituto Nacional do Câncer, no decorrer desses 15 anos, cerca de DUAS mil pessoas já passaram pelo programa, segundo o coordenador Oliverson Scherer.

Ele explica que, ao ingressar no grupo, o fumante passa por quatro encontros semanais, ministrados por uma equipe de aproximadamente 20 profissionais da área da saúde, como médicos, nutricionistas, dentistas, assistentes sociais e farmacêuticos.

Durante os encontros, além do repasse de informações e orientações, são disponibilizados também aos fumantes, recursos medicamentosos, como adesivo de nicotina e outras medicações, quando necessário.
Segundo Oliverson, todos os medicamentos são enviados ao município pelo Ministério da Saúde.

Depois dos quatro encontros semanais, o fumante passa por um acompanhamento quinzenal durante o período que for necessário. Das duas mil pessoas atendidas no programa, o coordenador avalia que cerca de 40% largaram o vício.
Em virtude da pandemia de coronavírus, neste ano não houve nenhum encontro presencial, porém, o grupo que já estava em acompanhamento no ano passado continua ativo, composto por cerca de 30 pessoas.

Segundo o coordenador, em alguns casos mais graves, como quando a pessoa precisa parar de fumar com urgência em função de algum problema de saúde, é feito acompanhamento individual, através das Unidades Básicas de Saúde. Assim que a pandemia passar as atividades presenciais serão retomadas.

Os encontros ocorrem no auditório da Secretaria de Saúde de Ijuí, e quem quiser se inscrever para participar do grupo, basta se dirigir até o terceiro piso da Secretaria de Saúde, ou buscar orientações junto a Unidade Básica de Saúde do seu bairro.
Segundo Oliverson, neste ano, o tema que a Organização Mundial da Saúde escolheu para trabalhar no Dia Mundial sem Tabaco, é sobre as estratégias da indústria do tabaco para influenciar jovens a entrarem na dependência, através do uso de cigarro eletrônico ou narguilé por exemplo.

Aqui no Brasil, além desse tema, o Ministério da Saúde aborda também sobre os riscos a mais que o fumante tem em contrair o coronavírus.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!