Busca rápidaX

MANCHETES

Novo presidente do HCI, Paulo Stumm critica opositores e diz que aproximará hospital da comunidade

30 de setembro de 2020

A nova diretoria da Associação Hospitalar de Caridade de Ijuí foi empossada na manhã de hoje, após o pleito realizado nesta terça-feira, que elegeu Paulo Roberto Stumm como presidente da entidade. Ele terá o médico Douglas Prestes Uggeri como vice-presidente, e outros 10 integrantes da diretoria e conselho fiscal. Após 12 anos ininterruptos sem mudanças na diretoria do hospital, o processo que elegeu os novos administradores foi muito atribulado, com trocas de acusações que, em muitos momentos, descambaram para questões pessoais. Um dos pontos de discordância no processo eleitoral do HCI foi a influência do ex-deputado federal Darcísio Perondi, que será conselheiro fiscal da instituição na chapa eleita. O médico Aníbal Nogueira, candidato à presidência da chapa derrotada ontem, havia prometido que acabaria com ‘o jeito Perondi de administrar o hospital’. Indagado sobre o tema, o novo presidente Paulo Stumm afirmou que Darcísio Perondi será importante para a nova diretoria, e hoje já está em Brasília buscando recursos para o hospital. O ‘jeito Perondi’, conforme Stumm, é aproximar a comunidade do hospital, algo que será intensificado através das entidades de classe representativas do município.

O novo presidente do HCI também falou sobre os ataques pessoais que sofreu durante o processo eleitoral. “Fomos ofendidos, meu nome foi jogado na lama, por pessoas que chegaram aqui ontem e acharam que qualquer coisa nos atingiria. Está aí o resultado. A comunidade de Ijuí é ordeira, ela presa pela honestidade e pela seriedade. Agora, o que eles (os integrantes da chapa opositora) fizeram em outra cidade nós sabemos, mas não comentamos. Aguentamos no osso do peito, não ofendemos ninguém”, argumentou Stumm, que seguiu. “Nós não nos pronunciamos, mas temos informações e agora chegou a nossa vez, vamos responder à altura. Tem gente que cometeu erros. Meu CPF foi divulgado na imprensa com as dívidas pessoais que tenho, e por questões pessoais no dia 20 de novembro tudo estará regularizado. Agora o meu oponente (Aníbal Nogueira), se ele estiver no deserto do Saara e um camelo olhar para ele, o camelo vai dizer: ‘eu sei o que tu fez em Ajuricaba’. Isso jamais será apagado”, disse Paulo Stumm, sem especificar as acusações.

O novo presidente não entrou em detalhes sobre a questão das contas do hospital, e se limitou a dizer que passará a discutir toda a administração da entidade junto à diretoria executiva do HCI. Na eleição do HCI ontem, foram 533 votos válidos. A chapa 1, liderada por Aníbal Nogueira, recebeu 264 votos, e a chapa 2, do presidente Paulo Stumm, recebeu 269 votos, e venceu por uma diferença de apenas 5 votos. Houve, ainda, 5 votos brancos e dois votos nulos.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí.
error: Conteúdo protegido!