Busca rápidaX

MANCHETES

Pandemia, plano safra e estiagem são temas de reflexão de sindicatos rurais de Ijuí para Dia do Colono e Motorista

23 de julho de 2020

A pandemia do novo coronavírus afeta muitos segmentos, até mesmo tradicionais momentos de homenagens ou reflexões, como é o caso do Dia do Colono e Motorista, que vai transcorrer sábado, dia 25 de julho.

Devido à impossibilidade de realizar aglomerações, nesse ano não haverá atividades presenciais para marcar a mencionada data, como encontros, eventos e até carreatas. Em Ijuí, nos últimos anos ocorreu, por exemplo, a feira de agroindústrias, defronte o Sindicato dos Trabalhadores Rurais. Porém, em 2020 essa atividade não vai ser possível.

Conforme o presidente do sindicato, Carlos Karlinski, dessa vez o Dia do Colono e Motorista vai servir mais para reflexão. A repercussão da própria pandemia é um dos temas que repercute para as duas categorias, pois o momento é atípico.

Karlinski ainda citou as consequências da estiagem da safra de verão passada, que causou muitos prejuízos na soja e milho. Uma das saídas tem sido a prorrogação de custeios e investimentos. Karlinski fala em nome da agricultura familiar.

Já o crédito emergencial de 20 mil reais disponibilizado pelo governo federal tem juro mais alto que contratar custeio, o que dificulta que os produtores acessem esses valores. Por outro lado, a extensão do auxílio emergencial de 600 reais, em razão da Covid-19, apenas nesta semana foi aprovado pela Câmara dos Deputados, porém ainda falta aprovação pelo Senado e sanção da presidência da República.

O que compensa parte da quebra da última safra, devido à seca, é o bom preço da soja do momento. Mas, em contrapartida, os insumos para lavouras também estão com valores elevados. Por fim, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Ijuí observa que é preciso avaliar o fato que muitos produtores de leite têm abandonado essa produção, mesmo com certa melhoria de preço pago ao agricultor.

Sindicato Rural Patronal

Mesmo com as consequências da Covid-19 na economia, o presidente do Sindicato Rural Patronal de Ijuí, Ércio Eickhoff, por sua vez, observa que os agricultores e motoristas estão numa situação mais confortável do que o comércio e indústria.

Isso porque, os produtores rurais seguem com as produções nas propriedades, o que garante transporte para a classe dos motoristas. Ércio Eickhoff entende que os agricultores correm por fora durante a atual pandemia.

Além disso, destacou que o novo plano safra do governo federal atende as necessidades da agricultura, especialmente no que se refere ao aumento do volume de recursos financeiros. Isso, segundo o presidente do Sindicato Rural de Ijuí, fortalece o agronegócio.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!