Busca rápidaX

Para prefeito de São Nicolau, município era administrado como um bolichão

12 de janeiro de 2017
Dados levantados até o momento pela atual administração municipal de São Nicolau apontam que a dívida herdada da gestão passada pode chegar a 20 milhões de reais. Foi o que disse nesta manhã durante entrevista na Rádio Progresso o prefeito, Ricardo Klein, do Partido Progressista. Ele foi bem enfático ao ressaltar que a prefeitura foi saqueada pelo ex-prefeito Benone Dias, preso em dezembro passado, acusado de desviar dinheiro do poder público.

Ricardo Klein observa que a administração anterior de São Nicolau pode ter desviado mais de 1 milhão de reais e no momento existe dificuldade para esclarecer esse débito. O atual prefeito de São Nicolau acusou o ex-mandatário, Benone Dias, de ter administrado como se o município fosse um bolichão. Outro dado é que foram retirados 600 mil reais da saúde e 400 mil da educação. Dos 20 veículos da prefeitura, apenas um automóvel funciona.

O prefeito de São Nicolau espera que o Poder Judiciário recupere o dinheiro desviado dos cofres públicos. Outro problema é que o caixa do Poder Executivo de São Nicolau está zerado e só aparecem contas, nada de receitas. Ricardo Klein informou, por exemplo, débito de 8 milhões de reais com o fundo de aposentadoria, outros 2 milhões com a RGE, mais 2 milhões com o Consórcio de Saúde e 150 mil reais com o Consórcio de Lixo.

Ainda chamou atenção a declaração do prefeito Klein, de que a gestão passada de São Nicolau tinha em torno de 200 funcionários em cargos de confiança, para uma população de 5 a 6 mil habitantes. Desde o início da atual administração, a prefeitura de São Nicolau ainda não abriu as portas para atender a população, visto que por determinação do Tribunal de Contas do Estado acontece levantamento de dados financeiro e patrimonial do município. Ricardo Klein acredita que o Poder Executivo volte com atendimento à comunidade na próxima semana.

Compartilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Acompanhe nas Redes

by @TwitterDev
error: Conteúdo protegido!