Busca rápidaX

Para professor da Unijuí, governo federal gasta muito com servidores

16 de julho de 2018

O professor de Economia da Unijuí, Argemiro Brum, ao participar do programa Progresso Rural, pela RPI, ontem, 15, falou sobre a situação econômica brasileira. Começou contextualizando a respeito do plano real reestruturado em 1999, sobre três pilares, ou seja, superavit primário, meta inflacionária e câmbio flutuante.

Destacou que em 2007 o governo do então presidente Lula teve a boa ideia, de que os resultados satisfatórios da economia chegassem as camadas mais pobres, porém segundo ele, a execução foi mal feita. Um dos fatos que contribuiu para isso foi a crise econômica mundial em 2008, subestimada pelo então gestão federal, que não se preparou para ela.

Argemiro Brum disse, também, que o governo, para estimular a economia, retirou impostos de alguns setores e estimulou o crédito, tanto que em 2010 o crescimento ficou em 7,6%. O entrevistado enfatizou, no entanto, que o governo de Dilma Roussef que assumiu em 2011 não readequou o Estado. Conforme o professor, o governo federal gasta cerca de 80% do orçamento com funcionalismo e sobra muito pouco para o restante.

Compartilhar
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    1
    Share
Fonte: Rádio Progresso de Ijuí
error: Conteúdo protegido!